Sessão de julgamento da presidente da Câmara é marcada para 25 de janeiro

A sessão de julgamento do relatório final da Comissão Processante do caso da presidente da Câmara de Ivaiporã Gertrudes Bernardy, foi agendada para o dia 25 de janeiro, a partir das 18h00.

Segundo o presidente da Comissão (CP), Nando Dorta, o rito que será realizado no procedimento é a leitura do relatório apurado na investigação. Após o término da leitura, cada vereador terá 15 minutos para discorrer sobre o tema. Na sequência, a defesa da vereadora terá duas horas para explanar suas argumentações e, ao final, os vereadores realizam a votação, que pode até resultar na cassação do mandato da presidente do legislativo.

A comissão apura a participação de Gertrudes Bernardy em uma festa de aniversário, realizada nas dependências da Câmara, reunindo funcionários e convidados externos. A festa ocorreu no mês de junho e, na época, um decreto municipal proibia eventos sociais com mais de 10 pessoas.

Divisão entre legislativo e executivo

Na semana passada, a Prefeitura de Ivaiporã ingressou com uma ação na justiça contra a decisão da Câmara de Vereadores, que derrubou dois decretos municipais do Poder Executivo, publicados no mês de dezembro, que autorizaram aumentos na tarifa da taxa de lixo (10%) e da taxa de alvará (17%). A decisão deve ser publicada pelo Poder Judiciário, nos próximos dias.

O cenário político de Ivaiporã está em ebulição nos últimos meses. Isso por conta dos desentendimentos que estão ocorrendo entre o poder executivo de Ivaiporã e a maioria dos vereadores do legislativo (6).