Mulher é ameaçada de morte pelo amásio

A Polícia Militar de Pitanga foi acionada às 22h30 dessa quarta-feira, 5 de janeiro, para atender à solicitação de uma mulher de 25 anos, que relatou que seu amásio, um homem de 33 anos, a agrediu fisicamente com tapas, chutes e socos, empurrou-a contra a parede e colocou uma faca no seu pescoço, dizendo que a mataria.

A PM seguiu ao bairro Maravilha, mas ao chegar na residência, onde teria ocorrido a agressão, o suspeito havia saído e tomado rumo ignorado. A vítima entrou na residência acompanhada dos policiais para retirar roupas e documentos pessoais e, com a filha de 8 anos, foi encaminhada ao Departamento de Assistência Social para conseguir um local para passar a noite, já que ela não tem familiares ou outro local para ficar em Pitanga.

A mulher apresentava escoriações nos braços, rosto e costas e foi orientada com relação às medidas cabíveis.