IBGE abre 131 vagas para Censo 2022 em Ivaiporã e Faxinal

Vagas são para as funções de recenseador, agente censitário municipal, agente censitário supervisor e agente censitário administrativo e de informática

Vagas são para as funções de recenseador, agente censitário municipal, agente censitário supervisor e agente censitário administrativo e de informática

Terminam na quarta-feira, dia 29 de dezembro, as inscrições do Processo Seletivo Simplificado (PSS) do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) para trabalhar no Censo Demográfico, em 2022.

O Censo Demográfico é uma pesquisa realizada no país a cada 10 anos. A pesquisa mais recente foi feita em 2010. Por causa da pandemia do coronavírus, a pesquisa não foi realizada em 2020.

No total, são 131 vagas para Agências do IBGE de Ivaiporã e Faxinal, sendo 110 vagas para recenseador (nível fundamental) nos municípios de Arapuã (3), Ariranha do Ivaí (2), Ivaiporã (31), Jardim Alegre (11), Lunardelli (5), São João do Ivaí (10), Godoy Moreira (3), Faxinal (16), Cruzmaltina (3), Borrazópolis (7), Lidianópolis (4), Grandes Rios (6), Rio Branco do Ivaí (4) e Rosário do Ivaí (5), além de 21 vagas para os cargos administrativos de Agente Censitário Municipal (ACM) e Agente Censitário Supervisor (ACS) (nível médio) nos municípios de Arapuã, Ariranha do Ivaí e Ivaiporã (6 vagas), Lunardelli e Jardim Alegre (3 vagas), São João do Ivaí e Godoy Moreira (2 vagas), Faxinal e Cruzmaltina (4 vagas), Borrazópolis (2 vagas), Lidianópolis (1 vaga), Grandes Rios, Rio Branco do Ivaí e Rosário do Ivaí (3 vagas). Para as agências de subárea em Ivaiporã e Faxinal, cada uma delas tem uma vaga para o Agente Censitário Administrativo e de Informática (ACAI), com inscrições até 10 de janeiro do ano que vem.

As inscrições podem ser efetuadas pelo site https://conhecimento.fgv.br/concursos/ibgepss21, onde também poderão ser encontradas informações sobre as provas, que serão aplicadas nos dias 20 de fevereiro e 27 de março de 2022.

Salários

Os agentes censitários supervisores supervisionam o trabalho dos recenseadores. Eles têm a carga horária semanal de 40 horas e salário de R$ 1.700.

Já os agentes censitários municipais têm, entre suas atribuições, garantir a cobertura de sua área territorial, o cumprimento dos prazos e a qualidade das informações coletadas.

A carga horária é de 40 horas e o salário, de R$ 2.100. O valor da taxa de inscrição para ambos os cargos é de R$ 60,50.