Manoel Ribas garante pavimentação de mais de 5 quilômetros de estradas rurais

Prefeito de Manoel Ribas, José Carlos Corona, comemora ações no primeiro ano de mandato

Prefeito de Manoel Ribas, José Carlos Corona, comemora ações no primeiro ano de mandato

A Prefeitura de Manoel Ribas assinou convênio junto ao Governo do Estado, há alguns dias, para pavimentação de 3,3 quilômetros de estradas rurais na região do Bela Vista. O investimento do Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento (SEAB), é de quase R$ 900 mil, sendo que R$ 550 mil já estão depositados na conta da prefeitura, aguardado a realização da licitação e início da obra para serem aplicados.

Segundo o prefeito José Carlos Corona, a pavimentação terá início às margens da rodovia PR-487, próximo à entrada do Posto Romagnole, e segue até a sede da comunidade. Nessa semana, a prefeitura encaminhou um projeto de lei para a Câmara de Vereadores para ajustar o orçamento, pois esse é um recurso extra que não estava previsto no orçamento e é preciso fazer o remanejamento para que a licitação possa ser realizada. “Essa é uma via muito importante para o escoamento da safra e o transporte do leite, já que na comunidade existe um laticínio que recebe uma grande produção”, frisa.

Corona destaca que além da comunidade ser grande, a estrada faz ligação com outras propriedades rurais, que vão além do fluxo do transporte escolar e do escoamento da produção de leite. “Toda a comunidade do entorno será beneficiada, pois há vários anos esse é um pedido dos moradores, que agora será concretizado”, frisa o prefeito.

Ele fez questão de agradecer aos deputados estaduais Nelson Justus e Márcio Nunes, que representam o município junto à Assembleia Legislativa, e ao governador Ratinho Júnior.

Linha Esperança

Na semana passada, a prefeitura realizou a licitação da pavimentação da estrada de acesso à Linha Esperança. O investimento é do Governo Federal, com recurso de emenda do deputado Aroldo Martins, foi intermediado pelo vereador Valdinei Fogaça. O valor previsto na licitação é de R$ 480 mil, sendo que R$ 340 mil foram conseguidos por meio de emenda e R$ 140 mil de recursos próprios do município. “A nossa expectativa é dar início a essa obra até o mês de outubro e finalizar o nosso primeiro ano de mandato com o início de mais de 5 quilômetros de pavimentação com pedras irregulares nas estradas rurais”, frisa o prefeito.

Ele destaca que o objetivo da administração é fazer o maior número possível de ligações com pedras irregulares às sedes das comunidades, pois além de ter um fluxo melhor de acesso a essas vias, também gera, a médio e longo prazo, uma economia ao município, que não precisa mais dar manutenção nesses trechos.