Pitanga é contemplada com carreta do conhecimento

Estrutura da carreta é preparada para capacitação de mão de obra

Estrutura da carreta é preparada para capacitação de mão de obra

O prefeito de Pitanga, Maicol Barbosa, anunciou que o município será contemplado com o projeto Carreta do Conhecimento do Governo do Estado. Serão dois cursos ofertados à população, de Eletricista Residencial Básico e de Mecânica Automotiva. A ação ocorre por meio da Secretaria de Estado da Justiça, Família e Trabalho (Sejuf). A a informação foi repassada ao prefeito pelo secretário Ney Leprevost, em evento realizado na semana passada, que contou com a presença do chefe do escritório regional da Sejuf, Roseval Soares Petrechen.

Além desse projeto de cursos gratuitos para a população, o município fez a contratação junto ao Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) de mais um curso de eletricista industrial. A expectativa é formar 120 pessoas nestes três cursos.

Segundo o prefeito de Pitanga, desde o ano de 2019, o município de Pitanga vem buscando essa parceria com o Governo do Estado, mas a pandemia da Covid-19 impediu que a carreta fosse enviada no ano passado. “Inicialmente, deixamos esse projeto de lado e fizemos a contratação de um curso pelo Senai e, agora, o Governo do Estado lançou um novo programa nessa área e o município de Pitanga foi contemplado com as capacitações”, frisa o prefeito.

Maicol Barbosa salienta que essas capacitações são importantes porque, nesse momento, a Agência do Trabalhador de Pitanga está com 70 vagas de empregos abertas e boa parte delas exige algum tipo de conhecimento técnico ou capacitação. “Também temos situações de pessoas que já atuam na área, mas não dispõem do conhecimento teórico e precisam da certificação para conseguir uma posição melhor no emprego ou na empresa que atuam”, salienta.

O secretário municipal Indústria, Comércio e Turismo de Pitanga, Élio de Oliveira, ressalta que, além da capacitação, os participantes que quiserem serão orientados pela Agência do Trabalhador para solicitar o MEI (Microempreendedor Individual) e, junto ao Fomento Paraná, buscar recursos para ter acesso a linhas de crédito para financiar seus negócios.

Os cursos terão carga de 80 horas, sendo que parte ocorrerá de forma presencial e parte de forma online. As datas de inscrições e início do curso ainda serão divulgadas pela Prefeitura de Pitanga.