Comandante do Corpo de Bombeiros do Paraná confirma escola de formação em Ivaiporã

Coronel Gross destaca importância do novo quartel dos bombeiros em Ivaiporã

Coronel Gross destaca importância do novo quartel dos bombeiros em Ivaiporã

O comandante do Corpo de Bombeiros do Paraná, coronel Gerson Gross, esteve em Ivaiporã na semana passada, participando da solenidade de passagem de comando, em que o major Cleber Daverson Luiz dos Santos assumiu o 1º Subgrupamento Independente do Corpo de Bombeiros de Ivaiporã.

Após a solenidade, ele concedeu entrevista ao jornal Paraná Centro e confirmou que o município de Ivaiporã terá uma das escolas de formação de bombeiros em 2022. Os candidatos que forem aprovados no concurso público da Polícia Militar e que optaram por serem bombeiros militares irão participar das escolas de formação para serem treinados e capacitados para atuar na corporação. “Uma das escolas virá para Ivaiporã e, como temos essa estrutura do quartel quase pronta, poderemos ter a formação de pelo menos 30 bombeiros aqui”, confirma Gerson Gross.

Com a escola em Ivaiporã, boa parte dos bombeiros formados deve permanecer no subgrupamento independente, resolvendo a questão de falta de efetivo.

O coronel disse que a sua vinda para Ivaiporã, para prestigiar a passagem de comando, é para mostrar a importância da cidade para o centro norte do Paraná e também prestigiar o trabalho realizado pelo ex-comandante local capitão Victor Matias e do novo comandante major Daverson. “O capitão Matias fez um grande trabalho aqui, conseguiu manter o serviço operacional, coordenou os trabalhos da construção do quartel muito de perto para tornar possível esse sonho para Ivaiporã”, pontuou.

Ele destaca que o major Daverson, apesar de ter sido promovido recentemente, tem um excelente currículo para comandar os bombeiros de Ivaiporã e que, certamente, fará um grande trabalho aqui.

Novo quartel

Coronel Gross falou também sobre o investimento que o Governo do Estado está fazendo no novo quartel dos bombeiros de Ivaiporã. A obra conta com 2.005 m² de área construída e um investimento na ordem de R$ 7 milhões e terá toda a estrutura necessária para o treinamento e atendimento operacional; a expectativa é que a obra seja entregue ainda em 2021. Além do quartel de Ivaiporã, o Corpo de Bombeiros do Paraná está realizando obra em Jaguariaíva, Ponta Grossa, Foz do Iguaçu (onde o investimento é de R$ 14 milhões) e tem a construção da Escola Superior dos Bombeiros na Academia da Polícia do Guatupê em Curitiba, com um investimento de R$ 25 milhões.

“O atual governo do Paraná tem dado todas as condições necessárias para o desenvolvimento do trabalho, como a aquisição de equipamentos e melhoria da estrutura física”, cita o comandante.

Efetivo

Ele também destaca que, atualmente, o Paraná tem uma defasagem de 46% do efetivo de pessoal nos bombeiros e que isso deve ser solucionado com o concurso público realizado há duas semanas e que, a partir de agora, começa a fazer a aprovação dos candidatos e convocação para a capacitação e treinamento. “Levamos essa grande necessidade de efetivo ao governador Ratinho Júnior e houve a sensibilização dele e do secretário de segurança pública, para que ampliar a quantidade de bombeiros. Inicialmente, a previsão de contratação era de 400 bombeiros, passamos para 600 e até o final do concurso poderemos aumentar ainda mais esse número e assim melhorar o trabalho em todo o Paraná”, afirma o comandante dos Bombeiros do Paraná.