Policiais militares visitam criança salva após se afogar com leite materno

Imagem da notícia.

Na tarde da terça-feira, 11 de maio, policiais militares visitaram uma família de Jardim Alegre, cuja criança foi salva de afogamento por leite materno no último dia 8 de maio, véspera do Dia das Mães. No dia em questão, a mãe entrou em contato via 190, relatando que seu filho estava engasgado com o leite materno e, aos prantos, solicitava a ajuda da PM.

Por telefone, os policiais militares conseguiram acalmar a mãe e em seguida se deslocaram à casa e desobstruíram as vias aéreas do bebê, utilizando os procedimentos da manobra de Heimlich.

Na ocasião, se não fosse a pronta ação dos militares, tanto ao telefone quanto realizando os procedimentos necessários na residência da família, a criança poderia teria sofrido maiores complicações, inclusive, morrido por asfixia.

Na visita dos policiais militares à família, foi possível um contato ainda maior, sem o estresse causado pela ocorrência, em um clima mais descontraído e alegre, quando a mãe pôde demonstrar o agradecimento aos militares pelo salvamento realizado. Da mesma forma, foi possível ver a satisfação dos militares em rever a criança que salvaram, com a saúde preservada.

A Polícia Militar do Paraná e o Comando da 6ª Companhia Independente de Polícia Militar se sentem orgulhosos em possuir em seu quadro militares valorosos e comprometidos com o socorro da sociedade.

Imagem da notícia.

Polícia Militar ajuda mãe a desengasgar bebê de 18 dias

Na noite dessa segunda-feira, 11 de maio, a Polícia Militar atendeu uma nova ocorrência de uma criança que estava engasgada. Dessa vez, a ligação ocorreu por volta das 22h50 e a policial militar que estava na central de operações atendeu a mãe, que relatou que seu bebê de 18 dias estava engasgado, sem respirar e com a pele arroxeada. A plantonista acalmou a mãe e, por telefone, explicou as manobras para desobstruir as vias áreas do bebê. Pelo telefone, a policial militar conseguiu ouvir o momento em que o bebê chorou, indicando a desobstrução das vias aéreas. Uma equipe do Corpo de Bombeiros foi acionada e se deslocou até a casa e levou o bebê ao hospital municipal para avaliação médica.