Comissão da Mulher Advogada realiza campanha do agasalho e arrecadação de alimentos

Christiane Singh – presidente da Comissão da Mulher Advogada da Subsecção da Oab de Ivaiporã

Christiane Singh – presidente da Comissão da Mulher Advogada da Subsecção da Oab de Ivaiporã

A Comissão da Mulher Advogada da Subsecção da Ordem dos Advogados do Brasil de Ivaiporã está lançando a Campanha do Agasalho e Itens Alimentícios, realizada em parceria com a Caixa de Assistência dos Advogados e apoio da Fatec de Ivaiporã. A ação será lançada oficialmente no sábado, dia 1 de maio, por meio de uma live transmitida pelo Youtube, com a participação da coordenadora do curso de Psicologia da Fatec, Jenifer Pavan, que vai abordar as consequências psicológicas desse momento de pandemia; e de uma fisioterapeuta especializada no aparelho respiratório, que dará dicas de exercícios e falará dos danos que a Covid-19 traz aos pulmões.

Para a arrecadação de roupas e alimentos, a comissão definiu dois pontos: o Supermercado Paulista, em frente ao Instituto de Saúde Bom Jesus, e a Fatec de Ivaiporã. Todos os alimentos arrecadados serão encaminhados à Paróquia Espírito Santo e às famílias de detentos atendidos pela APAC. “Nesse ano, a ideia de arrecadar alimentos ocorreu porque muitas pessoas estão passando por necessidade e precisam de alimentos e percebemos, em conversa com as entidades, que houve uma diminuição no número de doação de cestas básicas e aumento do número de pessoas que precisam de comida”, frisa a presidente da Comissão da Mulher Advogada, Christiane Singh.

A proposta da campanha é que todo o alimento arrecadado seja destinado à entidade escolhida para receber os alimentos. No entanto, a campanha terá âmbito regional e, em cada cidade abrangida pela Comissão da Mulher Advogada, haverá um local de arrecadação e destinação dos alimentos. A campanha também terá pontos de arrecadação em Manoel Ribas, Cândido de Abreu, Jardim Alegre e Lidianópolis. Todo material ficará no município onde foi arrecadado.

Ainda em Ivaiporã, no dia 29 de maio, acontecerá um drive thru em frente à sede da OAB para recolher os alimentos e as doações. “Contamos com a colaboração da sociedade e todas as entidades beneficiadas necessitam dessa ajuda; sabemos que é um momento complicado até mais do que foi no início da pandemia, quando as pessoas estavam mais engajadas em doar e percebemos uma redução nas contribuições e entendemos que é o momento de unir esforços da sociedade para ajudar quem mais precisa”, cita a presidente da Comissão da Mulher Advogada.