Material apostilado tem ajudado no ensino remoto em Manoel Ribas

Carla Freiberger e Auria Nack

Carla Freiberger e Auria Nack

A secretária municipal de Educação de Manoel Ribas, Carla Freiberger, avalia que a utilização do material apostilado adquirido pelo município como apoio às aulas no sistema remoto tem ajudado muito. Ela comenta que, em função da situação atual da pandemia, todos os cuidados têm sido tomados, mas sem deixar de atender os professores, dando as devidas orientações e suporte.

A Prefeitura de Manoel Ribas fez um investimento de aproximadamente R$ 320 mil na aquisição do material pedagógico da Name, vinculado à Editora Pearson. As apostilas são utilizadas por quase 1,2 mil alunos da Educação Infantil e Ensino Fundamental da rede pública municipal de educação. “Para o ensino remoto, as apostilas têm sido muito importantes, especialmente na questão da economia, pois com o material apostilado, os alunos têm uma sequência didática para seguir e isso é muito importante para o processo de ensino aprendizagem”, cita a secretária.

Segundo a assessora pedagógica Auria Nack, a apostila é um material muito prático para ser trabalhado e tem sido fundamental no ensino remoto; o conteúdo é apresentado de forma condensada e diferente de um livro didático. “A apostila traz um formato diferente e a função é auxiliar o trabalho do professor e o aprendizado do aluno, e também instiga a curiosidade do aluno e a ação entre a realidade que ele vive”, ressalta.

A apostila traz textos explicativos e resumidos, imagens que chamam a atenção e ilustrações, além de um caderno com atividades complementares, para trabalhar os conteúdos apresentados em cada unidade.

Auria Nack ressalta que as apostilas disponibilizadas para os alunos da Educação Infantil 4 e 5 trazem um material lúdico e prático, com ilustrações e tamanho adequado para a faixa etária, com cores e ilustrações que chamam a atenção do aluno e de fácil compreensão. “As apostilas estão de acordo com os parâmetros norteadores da educação básica para os anos iniciais e percebemos que, com as apostilas, os pais conseguem orientar os filhos nesse período de aulas remotas”, frisa.

Para a assessora pedagógica, muitas vezes, o livro didático não é tão sucinto e, se não houvesse a alternativa das apostilas, haveria um gasto muito maior com as atividades impressas. “A apostila dá um direcionamento aos pais e as devolutivas entregues pelos alunos têm sido bastante satisfatórias; eles seguem a sequência didática e os conteúdos, o que tem facilitado esse processo”, ressalta.

A secretária de Educação de Manoel Ribas, Carla Freiberger, acredita que quando as aulas presenciais puderam voltar, a utilização das apostilas facilitará a retomada do trabalho, tendo em vista que haverá uma uniformidade em toda a rede municipal de educação.