Clubes de Rotary de Ivaiporã empossam novos companheiros

Marco Esquiçato, Karina Silva, Ricardo Slomski, Emerson Ferreira, Paulo Lisboa e Adão Casagrande

Marco Esquiçato, Karina Silva, Ricardo Slomski, Emerson Ferreira, Paulo Lisboa e Adão Casagrande

O Rotary Club Ivaiporã e o Rotary Clube Ivaiporã Integração realizaram na quinta-feira, dia 25 de março, a posse de três novos sócios. Emerson Rosa Ferreira e Paulo Alcântara Lisboa foram empossados no Rotary Ivaiporã Integração, tendo como padrinhos os rotarianos Celestino Júnior e Jorge Kawano; e Karina Cardoso da Silva foi empossada no Rotary Ivaiporã, tendo como padrinho, o presidente Marco Esquiçato. O evento foi realizado em ambiente aberto, na residência do presidente do Ivaiporã Integração, Adão Casagrande, e limitado apenas aos presidentes dos clubes e os novos associados. A posse contou com a presença do governador do distrito, Ricardo Slomski, e foi transmitida ao vivo para os demais integrantes do clube.

O governador do distrito ressalta que estava devendo uma visita aos clubes de Ivaiporã, que são entidades espetaculares e que, pelo empenho dos presidentes dos dois clubes, resolveu estar presente nessas posses e enaltecer o nome do Rotary Clube.

Ele também destacou as dificuldades que o Rotary vem enfrentando para manter as atividades, em função da pandemia, que impede a realização de reuniões presenciais. “Mas isso que é importante no Rotary, que vai se moldando conforme a necessidade e quanto mais a comunidade precisa, o Rotary consegue fazer essa adequação e isso está acontecendo com as reuniões virtuais, onde são planejadas as ações reais e a comunidade continua sendo beneficiada pelo Rotary Clube”, frisa o governador.

Apesar de estar a pouco tempo integrando o distrito 4710, que abrange os municípios da região Vale do Ivaí, Norte e Norte Pioneiro do Paraná, os clubes de Ivaiporã estão buscando revitalizar outros clubes na região e ajudando no processo de estruturação dos clubes de Jardim Alegre e Lidianópolis. “Isso mostra a grandeza dos clubes de Ivaiporã, que são companheiros apaixonados, que vestem a camisa e querem levar esse trabalho para as comunidades vizinhas, pois o Rotary representa a ação do terceiro poder e vai aonde muitas vezes não chega o poder público”, ressalta.