Hermes Wicthoff destaca investimentos em Mauá da Serra

Prefeito de Mauá da Serra destaca ações em prol do município

Prefeito de Mauá da Serra destaca ações em prol do município

O prefeito de Mauá da Serra, Hermes Wicthoff, está confiante com o que poderá ser realizado no ano de 2021, principalmente após a vacinação em massa de grande parte da população contra a Covid-19. Ele lembra que a pandemia ocasionada pelo coronavírus tem causado dificuldades em todos os municípios do Brasil, mas acredita que com a vacinação da maior parte da população, as coisas tendem a se normalizar e, com isso, os projetos devem ser acelerados. “Mauá da Serra caminhou bem nos últimos meses e foram vários investimentos realizados na gestão anterior e acreditamos que muitas coisas devem acontecer ainda nesse ano”, destaca o prefeito.

Nesse início de gestão, uma das prioridades tem sido o término da obra de duplicação da BR-369 no trecho urbano de Mauá da Serra. O projeto anterior, que previa um investimento de R$ 3 milhões, contemplava apenas uma entrada para a cidade. Desde que tomou conhecimento disso, o prefeito Hermes buscou junto ao Governo do Estado e à concessionária Rodonorte mudar o projeto para que, pelo menos, mais uma entrada fosse construída. Com isso, o investimento aumentou para R$ 17 milhões e contempla dois viadutos, um em cada entrada da cidade, e a instalação de duas passarelas sobre a rodovia.

Quem chega a Mauá vindo de Marilândia do Sul encontra dificuldades para entrar na cidade, pois a entrada não está pronta, em função de um problema de desapropriação de uma área, que não teve autorização do proprietário. “Estamos conversando com a Rodonorte e o Governo do Estado para buscar solução para o problema, pois os contratos de concessão das rodovias se encerram no dia 23 de novembro e pretendemos que até lá essa entrada esteja pronta”, frisa.

No início do ano, a Prefeitura de Mauá da Serra realizou uma audiência com a equipe da Rodonorte, quando foi autorizada a instalação de uma passarela, que deve ser concluída no final do mês de março. “Temos que destacar que essa duplicação trouxe segurança para a nossa cidade e isso será fundamental para o desenvolvimento de Mauá da Serra, pois estamos em um entroncamento rodoviário importante do Paraná, já que a rodovia entre Mauá da Serra e Londrina também teve sua duplicação autorizada pelo Governo do Paraná”, ressalta Hermes. Para o prefeito, esse projeto vai mudar a realidade do município e as expectativas são muito boas, porque a localização de Mauá da Serra é privilegiada e isso dará uma grande possibilidade de desenvolvimento.

No entanto, a única questão apontada pelo prefeito e que precisa ser resolvida é com relação à instalação das praças de pedágio que estão previstas para ocorrer entre as cidades de Marilândia do Sul e Apucarana e próximo a Tamarana, que são trechos muito usados pela população de Mauá da Serra. “Não sou contra o pedágio, mas o preço precisa ser justo”, comenta o prefeito.

Empregos

O começo de 2020 foi marcado por uma péssima notícia para Mauá da Serra, com o fechamento de uma indústria tradicional do município, que provocou a demissão de cerca de 100 pessoas. No entanto, mesmo com essa péssima notícia, aliado à pandemia, o município de Mauá da Serra conseguiu encerrar o segundo semestre de 2020 com o segundo melhor resultado na região central na geração de novos empregos. “Apesar desse problema, tivemos outras empresas que chegaram e abraçaram essas pessoas, como a SL Alimentos, que hoje gera mais de 400 empregos diretos, e a empresa Plantar, que presta serviços para a Klabin e que vem a Mauá todos os dias para buscar pessoas que trabalhar e isso tem trazido recursos para o município”, ressalta.

Investimentos

Na gestão anterior, a Prefeitura de Mauá da Serra investiu pesado na pavimentação asfáltica com recursos próprios e convênios com o governo do Estado e União, com recursos na ordem de R$ 13 milhões para pavimentação de mais de 200 mil m² e isso mudou o visual da cidade. No entanto, ainda é preciso investir em mais asfalto, principalmente nas proximidades da área central. “Temos uma cidade muito espaçada e muitas ruas que ainda precisam de pavimentação”, comenta o prefeito Hermes Witchoff.

Outro grande investimento em Mauá da Serra é na área da educação, com a construção de uma nova escola estadual, que conta com recursos na ordem de R$ 7 milhões. O município também tem investimentos previstos na pavimentação de estradas rurais, como as vilas rurais e o assentamento Novo Mundo, num total de R$ 2,5 milhões. A prefeitura ainda investirá R$ 650 mil na construção de uma nova UBS (Unidade Básica de Saúde), com a intenção de transformá-la em um atendimento 24 horas.