Torcedora da região revela paixão pelo Bayern de Munique

Janaína Meira falou sobre paixão pelo clube alemão

Janaína Meira falou sobre paixão pelo clube alemão

O Bayern de Munique conquistou pela 4ª vez o título do Mundial de Clubes diante do mexicano Tigres. Com isso, o clube alemão chegou ao sexto título conquistado no ano e fez a alegria de uma torcedora da região em especial.

A microempresária Janaína Fernanda Meira, 26 anos, é assumidamente torcedora fanática do clube bávaro e revelou que sempre está ligada nas partidas, seja pela TV ou pelo celular.

Janaína Meira contou que sempre acompanhava jogos de futebol com o pai e o interesse pelo clube alemão se deu ainda criança quando a família morava em Manoel Ribas e o uniforme vermelho chamou a atenção da jovem, que dali por diante se apaixonou pelo Bayern de Munique. No entanto, os pais explicaram para a jovem torcedora que ela, naquele momento, não teria acesso ao estádio do clube por ser em outro país, mas a manoelribense assegurou que isso nunca minimizou o interesse pelo futebol do Bayern, cujos ídolos são o goleiro Manuel Neuer, atacante Robert Lewandowski, além de outros nomes emblemáticos da equipe como Thomas Muller, Arjen Robben, Frank Ribery e Toni Kroos, jogadores fundamentais para um Bayern supercampeão nas temporadas 2011 a 2013.

Mas a temporada de 2020 também foi especial em termos de conquistas e o Mundial de Clubes foi a cereja do bolo num ano perfeito para os bávaros, que ganharam ainda o Campeonato Alemão, Copa da Alemanha, Liga dos Campeões, Supercopa da Europa e Supercopa da Alemanha, igualando o sextete do Barcelona em 2009. “O Mundial foi a conquista que faltava para terminar o ano com chave de ouro”, frisou a torcedora, citando a final da Liga dos Campeões de 2020 como o jogo mais marcante.

Ela comentou que, por conta da diferença de fuso horário entre Brasil e Alemanha, nem sempre é fácil acompanhar os jogos ao vivo, mas que recorre à tecnologia e a internet para acompanhar notícias e jogos do clube. Janaína Meira participa de um grupo na internet, chamado Torcedores Bávaros, no qual os integrantes promovem fóruns e discussões sobre o clube do coração. O grupo já chegou a ter quase 200 participantes.

A paixão pelo Bayern fez a microempresária dividir o sentimento pelo São Paulo, clube brasileiro pelo qual torce. “Já briguei pelo Bayern com alguém que não acreditava que eu entendia de futebol pelo fato de ser mulher, mas com meus argumentos, a pessoa se convenceu”, contou, lembrando que tem camisetas, boné, bandeira e até copo do clube alemão.

Comentários