Univale retoma atividades presenciais

Diretora geral Jane Silva fala sobre início das atividades presenciais

Diretora geral Jane Silva fala sobre início das atividades presenciais

A UCP/Univale de Ivaiporã retomou as atividades presenciais na noite da segunda-feira, 8 de fevereiro, com o início do ano letivo de 2021. A diretora-geral da instituição, Jane Silva, explicou que, nos dias anteriores, os acadêmicos receberam um termo de adesão, com questionamento se gostariam ou não de voltar presencialmente ou assistir as aulas em casa. Os alunos que optarem em ficar em seus domicílios acompanharão as mesmas aulas que aqueles que estão em sala de aula.

Os que optaram em ir para a faculdade de forma presencial serão recebidos pela “Brigada Covid” e terão a temperatura aferida na entrada da faculdade e, na sequência, encaminhados à sala de aula. Nos dias anteriores ao retorno, funcionários e professores receberam orientação e treinamento com as explicações sobre essa volta.

Jane Silva explica que a máscara será obrigatória dentro da instituição durante todo o período de aula e dos intervalos. Na entrada, os acadêmicos receberão uma máscara escura e estão sendo orientados a levar também uma máscara de cor clara, para que, no intervalo, façam a troca.

A diretora geral ressalta que as provas serão feitas de forma presencial, mesmo para os alunos que optarem em estudar de casa e será realizado um esquema de diferenciação de dias e horários para isso.

No entanto, a partir do dia 1 de março, haverá uma mudança importante. Como faz parte do sistema federal de ensino, a UCP/Univale terá que seguir uma normativa do Governo Federal e o ensino presencial passa a ser obrigatório. O acadêmico que não puder comparecer, seja por questão de saúde ou por fazer parte do grupo de risco da Covid-19, terá que fazer essa solicitação por escrito à instituição e, a partir disso, ele poderá estudar em casa em regime de educação domiciliar. O pedido vale pelo semestre ou enquanto durar a pandemia. “Esse período também será importante para adaptação e retomada de forma gradual, para que tudo possa ser feito com a maior segurança possível”, frisa a diretora-geral.

Ela destaca que todas as salas estão com mobiliário reduzido para que haja o distanciamento de 2 metros entre os alunos e todos os cuidados possam ser tomados. Nas turmas maiores, se houver uma previsão de retorno de um grupo maior de alunos, a Univale deve adotar um sistema de rodízio, especificamente para essas turmas, com os grupos se revezando a cada 15 dias entre as aulas presenciais ou em casa de forma remota.

Comentários