Cândido de Abreu pretende implantar educação em tempo integral

Diretora municipal de Educação, Claudete Aparecida Blan Daros. Por: Aldinei Andreis

Diretora municipal de Educação, Claudete Aparecida Blan Daros

Fonte: Aldinei Andreis

A nova secretária municipal de Educação de Cândido de Abreu, Claudete Aparecida Blan Daros, anunciou, na semana passada, que as aulas na rede municipal de educação retornam no dia 18 de fevereiro, nesse primeiro momento, de forma remota, assim como terminou no ano passado, seguindo a recomendação da Amocentro (Associação dos Municípios do Centro do Paraná).

Os professores retomam as atividades nos dias 11 e 12 de fevereiro, também de forma remota, para a capacitação pedagógica. A secretaria vai receber o apoio do Núcleo Regional de Educação de Ivaiporã e da Secretaria de Estado da Educação na capacitação com os educadores.

Ela destaca que o modelo remoto funcionou bem em Cândido de Abreu, no ano passado, e ela fez questão de parabenizar a gestão anterior do prefeito José Maria Reis Júnior e do então secretário de educação, José Irineu Weiber, que desenvolveram um ótimo trabalho na pasta. “Assumo a secretaria com muita tranquilidade, porque a gestão anterior deixou tudo organizado e podemos dar continuidade ao trabalho, que funcionou bem com a educação de forma remota; os pais pegavam as apostilhas e levavam para os filhos”, ressalta.

Pedagoga do município há 17 anos, Claudete Blan Daros comenta que não teve ainda a experiência de gestão, mas que toda a equipe da secretaria de educação e os diretores das escolas da rede municipal estão apoiando o trabalho e, juntos, quer promover uma maior integração, especialmente da área urbana com a rural. Claudete Blan Daros também pretende manter um contato constante com os professores e diretores. “Estamos em uma era tecnológica e ainda vejo uma dificuldade em desenvolver esse trabalho, principalmente, por sermos de um município rural, mas pretendemos promover uma troca de experiências entre todos os envolvidos com a educação e isso será possível porque a equipe da gestão anterior foi mantida”, salienta.

Entre as diversas propostas da atual gestão está a implantação da educação em tempo integral nas escolas da área urbana e também na Escola Municipal David Federmann, que fica na área rural e que, inclusive, servirá como projeto piloto. “Estamos agilizando a documentação para trazer esse trabalho para a área urbana, ofertando, além de um ensino de qualidade em tempo integral, projetos de dança, música, cultura e esporte”, frisa.