Prorrogadas inscrições do PAS e Vestibular da UEM

Candidatos também poderão se inscrever presencialmente no Campus de Ivaiporã

Candidatos também poderão se inscrever presencialmente no Campus de Ivaiporã

A Universidade Estadual de Maringá (UEM) prorrogou até 30 de novembro as inscrições para o Vestibular 2020, o Vestibular EAD 2020 e o Processo de Avaliação Seriada (PAS) 2020, a fim de que as pessoas tenham mais tempo para se organizar e se planejar para um futuro ingresso no ensino superior público, de qualidade e gratuito.

A partir de agora também é possível se inscrever presencialmente no campus sede da UEM, em Maringá (PR) – seja na Comissão Central do Vestibular Unificado (CVU), bloco 28, ou na Biblioteca Central (BCE), bloco P-03 – e nas secretarias dos campus regionais da UEM: em Cianorte, Cidade Gaúcha, Diamante do Norte, Goioerê, Ivaiporã e Umuarama. As inscrições on-line permanecem disponíveis normalmente, respectivamente em: www.vestibular.uem.br e www.pas.uem.br.

No total, são 2.989 vagas para o Vestibular 2020 distribuídas entre ampla concorrência (60%), cotas sociais (20%) e cotas para negros (20%, sendo que deste percentual ¾ vão para negros de baixa renda e ¼ para negros sem esse recorte social).

A taxa de inscrição é de R$ 160 por candidato. O novo prazo de pagamento se estende até 2 de dezembro de 2020. A aplicação das provas será nos dias 21 e 22 de março de 2021.

PAS

O Processo de Avaliação Seriada (PAS) que será aplicado em 21 de fevereiro. A taxa de inscrição é R$80. São 747 vagas para candidatos da etapa 3, ou seja, estudantes do 3º ano do ensino médio.

Vestibular EAD

O Vestibular EAD com taxa de inscrição de R$110 será realizado no dia 21 de fevereiro. Ao todo, são 1.030 vagas em cinco cursos de graduação à distância, distribuídas entre ampla concorrência (40%), cotas sociais (20%), cotas para negros (20%, sendo que deste percentual ¾ vão para negros de baixa renda e ¼ para negros sem esse recorte social) e docentes da rede pública (20%, desde que os professores estejam em exercício, sem formação inicial em nível superior ou que não sejam formados na área em que atuam).

Comentários