Uso de mídias sociais para evangelização é tema de workshop em Pitanga

Padre Gilson Dembinski e Guilherme Nunes

Padre Gilson Dembinski e Guilherme Nunes

A Paróquia Sant’Ana de Pitanga promoveu, na semana passada, um workshop ministrado pelo administrador e pós-graduado em Teologia, Guilherme Nunes, que teve como tema: Comunicação, Evangelização e Ética. A capacitação ocorreu nos dias 15 e 16 de outubro e contou com a participação de líderes da Paróquia Sant’Ana, de outras paróquias de Pitanga e pessoas interessadas em conhecer um pouco mais sobre o funcionamento das mídias sociais para essa finalidade.

Guilherme Nunes disse que há vários anos desenvolve um trabalho de evangelização dentro da igreja e em conversa com o padre Gilson Dembinski, da paróquia matriz de Pitanga, identificou a necessidade de trabalhar esse tema junto às lideranças católicas da cidade. “Hoje, temos um excesso de opiniões nas redes sociais, muitas vezes fake news e as pessoas têm deixado os fatos verdadeiros de lado e isso é uma preocupação que temos e, por isso, decidimos promover essa ação, para que as pessoas tenham a responsabilidade ao transmitir a verdade do evangelho”, ressalta.

Para ele, uma das coisas que mais atrapalha é o chamado discurso de ódio, quando acontece uma situação ou fato em que as pessoas não pensam que do outro lado também existe um ser humano e emitem opiniões sem levar isso em consideração. Por isso, para o palestrante, o fundamental é que em todas as nossas ações imitemos a Jesus Cristo. “Ele encontrava as pessoas e as tratava como ser humano e acredito que as lideranças da igreja, como padres e outras pessoas, podem transformar o meio em que se está, assim como Jesus fazia”, ressalta.

Para ele, a utilização das redes sociais para a evangelização é algo muito importante e, principalmente, quando é possível utilizar de forma correta esses meios para divulgar fatos verídicos e se chegar ao maior número possível de pessoas. Ele ressalta que existe a possibilidade que novos eventos como esse sejam realizados em outras cidades da diocese de Guarapuava e em outras dioceses da região.

O padre Gilson Dembinski, da igreja matriz Sant’Ana de Pitanga, comenta que já havia um movimento de uso maior das redes sociais e dos meios de comunicação. No entanto, a pandemia da Covid-19 acelerou uma série de processos, como a utilização cada vez maior da internet para a transmissão de missas, cultos e sermões. “A necessidade impôs que a gente fizesse algo a mais para que as pessoas idosas, doentes e até mesmo as crianças, que ficaram limitadas pela pandemia, pudessem continuar ouvindo a mensagem do Evangelho; e tivemos que aprender isso de forma rápida e se adaptar à nova realidade”, comenta o padre.

Para ele, esse tipo de workshop é muito importante para provocar uma reflexão e que as pessoas possam ter mais consciência.

Comentários