Paraná tem maior número de pessoas internadas em UTI desde o início da pandemia

A Secretaria de Estado da Saúde divulgou neste domingo, 13 de novembro, o boletim atualizado sobre a Covid-19 e apresenta um dado preocupante, o maior número de pacientes internados ocupando leitos de UTI, desde o início da pandemia. São 612 pessoas que estão internadas em unidades que requerem atenção especial. Somando o número com as pessoas que estão ocupando leitos de UTI, com a suspeita da doença, a taxa de ocupação está em 75%.

O boletim também confirmou mais 1.249 casos e 22 mortes em decorrência da infecção causada pelo novo coronavírus. Os dados acumulados do monitoramento da Covid-19 mostram que o Paraná soma 152.538 casos e 3.783 mortos em decorrência da doença.

A secretaria estadual informa a morte de mais 22 pacientes, todos estavam internados. São oito mulheres e 14 homens, com idades que variam de 29 a 91 anos. Os óbitos ocorreram entre os dias 9 e 13 de setembro.

Os pacientes que faleceram residiam em: Curitiba (6), Fazenda Rio Grande (3), Colombo (2), Foz do Iguaçu (2). A Sesa confirma também um óbito em cada um dos seguintes municípios: Almirante Tamandaré, Campo Largo, Cerro Azul, Dois Vizinhos, Francisco Beltrão, Ivaiporã, Lapa, Medianeira e Ponta Grossa.

104,1 mil pessoas já se recuperaram na doença.

A Sesa confirmou novos casos da Covid-19: 8 em Faxinal, que totaliza 151, desde o início da pandemia; 5 casos em Ivaiporã (546) e Marilândia do Sul (43); 3 em Manoel Ribas (94) e Lunardelli (18); 2 em Mauá da Serra (280) e Borrazópolis (54) e um caso cada nas cidades de São Pedro do Ivaí (149), Jardim Alegre (79), Califórnia (75) e Ariranha do Ivaí (18).

Comentários