Farmacêutico é pré-candidato a prefeito em Cândido de Abreu

Renan Romanichen é pré-candidato do Ptb

Renan Romanichen é pré-candidato do Ptb

O jovem farmacêutico Renan Menck Romanichen é pré-candidato a prefeito de Cândido de Abreu pelo PTB, partido do atual prefeito José Maria Reis Júnior. Servidor público, Renan nunca exerceu função política, mas destaca que está motivado para entrar na disputa eleitoral, em função de tudo que ele vê acontecer no município. “A maioria da população luta para sobreviver e necessita de políticas públicas democráticas e de representantes honestos que possam buscar isso”, comenta.

Ele destaca que pretende fazer um trabalho utilizando a política como instrumento de transformação social, onde a igualdade seja o principal objetivo. Apesar de nunca ter exercido cargo político, Renan Romanichen já foi presidente do Conselho Municipal de Saúde e tem uma família que sempre esteve envolvida com a política. “Minha mãe foi primeira suplente na Câmara de Vereadores de Pitanga e meu pai vereador por um mandato e, atualmente, é vice-prefeito de Cândido de Abreu”, relata.

Além do apoio do atual prefeito, Renan Romanichen também conta com o apoio da deputada federal Luisa Canziani (PTB), Aliel Machado (PSB), e dos deputados estaduais Alexandre Curi e Artagão Júnior, ambos do PSB. O pré-candidato a vice-prefeito é o médico veterinário Newton Rodrigo Kudrek Souza, de 31 anos, ex-presidente da Acica. Ele acredita que a chapa terá 45 candidatos a vereador e o apoio do PSB, PDT e Podemos. “Nessa pré-campanha, assim que podemos estamos caminhando pelo município, levando nossas ideias e propostas, ouvindo os anseios e reivindicações da população, fortalecendo nossos apoios e buscando lideranças que caminhem conosco nesta jornada e, como funcionário público, aguardo o prazo do TSE para me dedicar totalmente à campanha”, ressalta.

Para ele, o principal desafio para o município nos próximos anos é promover uma administração participativa, que seja eficiente e busque recursos para atender as necessidades da população.

Comentários