PT de Jardim Alegre tem pré-candidato a prefeito

Josias Gonçalves, Carlos Alberto e Igor Noia

Josias Gonçalves, Carlos Alberto e Igor Noia

O Partido dos Trabalhadores de Jardim Alegre (PT) apresentou, na semana passada, seu pré-candidato a prefeito para as eleições municipais de 2020. O nome indicado pelas lideranças do partido é do ex-secretário de administração da Prefeitura de Jardim Alegre, Josias Gonçalves. A indicação foi referendada durante o encontro municipal da legenda, ocorrido no dia 27 de junho, de forma virtual, que contou com a participação de dezenas de correligionários e lideranças estaduais, além dos parlamentares do partido no Paraná, que manifestaram apoio à candidatura própria local.

Em visita ao jornal Paraná Centro, acompanhado do presidente municipal do Partido, Carlos Alberto Azevedo, e do filiado Igor Noia, Josias Gonçalves lembrou que, por doze anos, exerceu funções diretamente ligadas à gestão municipal, sendo por seis anos diretor de administração e chefe de gabinete nos mandados dos ex-prefeitos José Martins e Mauro Oriani, em Jardim Alegre, e por seis anos como secretário de planejamento e administração e secretário de saúde na cidade de Mandaguari.

O pré-candidato considera que o Partido dos Trabalhadores tem a obrigação de ter um candidato a prefeito nas próximas eleições, porque desde 2002, quando a legenda foi reformulada em Jardim Alegre, o PT participou, diretamente ou indiretamente, da gestão municipal, contribuindo com o desenvolvimento da cidade, com emendas dos deputados estaduais e federais. “O Carlos Alberto foi o primeiro vereador do partido, temos o Alfredo Flores, que está no terceiro mandato, e na eleição passada, o PT elegeu dois vereadores”, disse Josias Gonçalves.

O presidente Carlos Alberto Azevedo ressalta que o partido já tem 20 pré-candidatos a vereador e não terá dificuldades para apresentar os 14 nomes que vão concorrer à Câmara Municipal pela legenda. Segundo ele, o partido está aberto a conversar com outras agremiações, desde que possam construir um plano de governo juntos, baseando as propostas nos setores de saúde, infraestrutura, assistência social e na valorização do funcionalismo público. “Estamos conversando para formar uma grande frente de oposição e trabalhando para ter uma ampla aliança”, frisa o presidente do PT de Jardim Alegre.

Comentários