Empresária de Ivaiporã distribui marmitas a moradores de rua

Maria e Jéssica Cobianchi preparam marmitas para moradores de rua. Por: Divulgação

Maria e Jéssica Cobianchi preparam marmitas para moradores de rua

Fonte: Divulgação

Para amenizar os efeitos da crise do novo Coronavírus (Covid-19), muita gente encontra tempo e disposição para fazer o bem para o próximo, como é o caso da empresária Maria Aparecida Cobianchi de Lima e da filha Jéssica Cobianchi, que fornecem alimentação aos moradores de rua de Ivaiporã.

A ideia do jantar solidário surgiu há pouco mais de um ano e, principalmente, em tempos de pandemia é uma lição de amor ao próximo, além de ser um alívio para quem recebe e aprendizado para quem ajuda. A iniciativa realizada duas vezes por semana, com apoio de voluntários da comunidade, já distribuiu aproximadamente 50 marmitas por dia para a população que vive nas ruas ou em abrigos do município.

Jéssica Cobianchi contou que a mãe, proprietária de uma panificadora, sempre doa alimentos para pessoas que passam no estabelecimento comercial pedindo algo para comer, além de doarem cestas básicas mensais para os mais necessitados. A partir disso, elas resolveram fazer uma campanha em uma rede social, no início do inverno de 2019, para arrecadar ingredientes para fazer uma sopa, que seria doada para os moradores de rua, além de arrecadarem roupas e cobertas para os mais vulneráveis.

Jéssica faz a arrecadação com apoio de outros voluntários e, posteriormente, as entregas das refeições preparadas pela mãe Maria Aparecida. As doações são destinadas, especificamente, a pessoas que não têm um teto para morar e sequer um fogão para esquentar o alimento.

O grupo disse que pretende ampliar a entrega das marmitas, mas depende da demanda de doações. Em geral, o cardápio contém arroz, feijão, macarrão e algum tipo de carne. “É muito triste ver alguém com fome, então como temos condições para ajudar, fazemos a nossa parte”, comentou Maria Aparecida Cobianchi, lembrando que as pessoas que recebem ficam extremamente gratas com as doações, que podem ser feitas diretamente na panificadora.

Comentários