Técnico do NRE de Ivaiporã participa de live da CBDI

Ewerton Davy participa de live organizada pela Cbdi. Por: Divulgação

Ewerton Davy participa de live organizada pela Cbdi

Fonte: Divulgação

O coordenador de educação física do Núcleo Regional de Educação de Ivaiporã e técnico da Seleção Brasileira de Atletismo T20, Ewerton Davy Marques Silva, participou, no mês de maio, de uma live promovida pela Confederação Brasileira de Desportos para Deficientes Intelectuais (CBDI), sobre o momento do paradesporto em tempos de pandemia de Covid-19.

O bate-papo sobre a modalidade de atletismo foi conduzido pelo coordenador da CBDI, Wilson Lopes Júnior, e contou com as participações de Ewerton Marques Silva, que é técnico do projeto Afavi/UEM e da professora da Apae do Distrito Federal, Andrea Raulino.

Durante a live, o professor de Ivaiporã falou da trajetória dele no esporte, especialmente no atletismo, e do início na Apae em 2001, quando começou a trabalhar com atletas portadores de deficiência intelectual. Abordou ainda a participação nos mundiais de atletismo e a importância e relevância para o Vale do Ivaí do projeto Afavi/UEM, realizado em parceria com o Núcleo Regional de Educação de Ivaiporã. “É um trabalho de cunho social, que visa inserir pessoas com deficiência no esporte para melhorar a saúde e qualidade de vida dos praticantes, mas que também avalia as potencialidades de atletas de rendimento, que disputam competições e trazem resultados expressivos para Ivaiporã”, destacou Ewerton Davy.

Sobre as ações para manter preparação física, alimentação e nível psicológico do atleta durante a quarentena, o professor relatou que, num primeiro momento, deu folga coletiva e, posteriormente, mudou o ciclo de treinos, conforme a possibilidade de cada um se manter ativo dentro de casa. Com relação ao futuro do esporte pós-pandemia, Ewerton crê que o calendário possa permitir ainda esse ano a realização de um campeonato promovido pela CBDI, ao mesmo tempo em que espera que a paralisação não prejudique os alunos que contam com a Bolsa Atleta para seguir os treinamentos.

Comentários