Paciente de Cândido de Abreu falece, com suspeita de Covid-19

Na tarde da sexta-feira, dia 22 de maio, o prefeito de Apucarana, Júnior da Femac, anunciou em uma live o falecimento de um paciente, que estava internado na UTI do Hospital da Providência, com suspeita de Covid-19. No vídeo, ele teria comentado que o homem, de 36 anos, seria da cidade de Ivaiporã, mas que ainda não havia a confirmação da doença.

O jornal Paraná Centro entrou em contato com o Departamento Municipal de Saúde de Ivaiporã, que informou que o paciente é, na verdade, da cidade de Cândido de Abreu. Ainda não saiu a confirmação do exame e o paciente tinha várias comorbidades.

A secretária municipal de Saúde de Cândido de Abreu emitiu nota informando que o paciente do sexo masculino, de 36 anos, deu entrada no Hospital Municipal São Francisco de Assis, no dia 14 de maio, passou por avaliação e apresentava sintomas característicos de doença hepática e, no dia 19 de maio, foi transferido, via Central de Leitos, para o Hospital Bom Jesus em Ivaiporã, para avaliação com o gastroenterologista. Lá, apresentou sintomas de Covid-19 e foi transferido para o Hospital da Providência, em Apucarana, onde passou por consulta e avaliação com o infectologista. No dia 22 de maio o paciente veio a óbito, sob suspeita de Covid-19 e foi feita coleta de exame e, portanto, segue sob investigação. Família foi orientada a permanecer em isolamento, por se tratar de paciente com suspeita. O nome do paciente não será citado, preservando a ética profissional, respeito e integridade à família.

Os exames de PCR para SARS-COV 2 são encaminhados para o laboratório de Saúde Pública do Estado - Lacen - e o resultado é disponibilizado em até cinco dias.

Comentários