Celebrações da padroeira de Lunardelli serão transmitidas pela internet

Missas e novenas serão transmitidas pela internet

Missas e novenas serão transmitidas pela internet

Acostumado a receber em torno de 50 mil romeiros durante o mês de maio, nas celebrações da festa de Santa Rita de Cássia, o município de Lunardelli, nesse ano, terá uma comemoração diferente. Em função da pandemia causada pela Covid-19, que proíbe a realização de eventos com aglomerações de pessoas, o município não deve receber praticamente nenhum turista durante todo o mês.

A forte crise já trouxe prejuízos financeiros irrecuperáveis para a economia de Lunardelli, causando demissões e a redução significativa da atividade econômica. O reitor do Santuário de Santa Rita de Cássia, padre Célio Tarozo, concedeu entrevista ao jornal Paraná Centro e comentou que a falta de atividades na igreja levou à dispensa de 50 mulheres, que trabalhavam como diaristas, todos os finais de semana, na limpeza da igreja.

Além disso, todos os 16 funcionários que atuam na paróquia tiveram uma redução na jornada de trabalho e a suspensão de parte do contrato de trabalho, para que possam receber parte dos salários pelo programa emergencial do Governo Federal. As barracas e o comércio que funcionam em função da festa também foram seriamente afetados com a redução das vendas a praticamente zero. “Essa não é uma perda apenas para o santuário, mas também para a cidade, pois a presença do romeiro garante uma renda para muitas famílias, que dependem da presença dos turistas”, ressalta o pároco local.

O prefeito de Lunardelli, Reinaldo Grola, comenta que a prefeitura tem um olhar especial para as festividades da padroeira, por entender a importância desse momento para o município, com a movimentação da economia, geração de emprego e renda para muitas pessoas. “Já temos uma crise instalada no setor do turismo, com grandes prejuízos, mas sabemos que abrir as portas para o turismo, neste momento, infelizmente, também é abrir as portas para as doenças. Agora temos que pensar na vida humana”, relata.

Para ele, o Paraná está conseguindo controlar bem a doença e isso fará com que o Estado seja um dos primeiros a conseguir sair dessa situação e fazer com que as coisas voltem à normalidade.

Celebrações

A programação religiosa da festa da Padroeira de Lunardelli será transmitida pela internet, tanto na página oficial do santuário no facebook e no Youtube e pela rádio local. A programação começa nessa quarta-feira, dia 13 de maio, com a celebração da novena, que tem início a partir das 19h30. Ela segue até o dia 22 de maio, nessa data será feita a celebração das missas, que irão acontecer as 7h00, 10h00, 15h00 e 19h30.

A direção paróquia está em contato com a Prefeitura de Lunardelli e a Secretaria Municipal de Saúde para ver a possibilidade de presença do público de Lunardelli nas missas e novenas. Até o fechamento da edição não foi divulgada uma posição oficial do município sobre o pedido da igreja. “A nossa esperança é que esse pesadelo vai passar e possamos voltar a receber um grande público no município”, comenta o padre Célio Tarozo.

Comentários