Suspeito flagrado com drogas reage ao ser abordado e é detido

Rotam age no Jardim Belo Horizonte. Por: Divulgação

Rotam age no Jardim Belo Horizonte

Fonte: Divulgação

A equipe da Rotam da 6ª Companhia Independente de Polícia Militar de Ivaiporã prendeu na tarde de sábado, 2 de maio, um homem suspeito de tráfico de drogas, na Rua Leopoldina, localizada no Jardim Belo Horizonte. Durante o flagrante, o suspeito resistiu à prisão e soltou um cachorro pitbull, que atacou um dos policiais.

Conforme o Boletim de Ocorrência da PM, por volta das 17h00, a equipe fazia patrulhamento pelo local quando avistou um motociclista recebendo algo do morador de uma residência, que tem várias denúncias de tráfico de drogas, há cerca de 4 anos.

Os policiais abordaram o motociclista, que jogou no chão uma bucha com 0,7 gramas de cocaína. Questionado, o abordado contou que comprou o entorpecente naquela residência e pago R$40, revelando que era a segunda vez que comprou cocaína do mesmo fornecedor.

Diante do flagrante de trafico de drogas, a equipe foi até o local. Devido ao fato do suspeito ter um cachorro da raça pitbull, a equipe optou por adentrar pelos fundos. Ele foi surpreendido sentado no sofá e tentou empreender fuga pela porta da frente, resistindo à prisão, com socos e empurrões.

O homem ainda soltou o cachorro contra o militar, sendo que, de imediato, o animal avançou, pulando no peito do policial, que efetuou um disparo de arma de fogo contra o cachorro. O homem tentou se desvencilhar de 9 gramas de cocaína, mas foi contido e algemado.

Em buscas na residência, foram localizadas mais quatro porções de maconha embaladas para venda, pesando 7,49 gramas, e ainda duas porções de maconha, em plástico branco, pesando 12,3 gramas. Os policiais ainda encontraram produtos para preparação da venda dos entorpecentes.

No bolso do infrator havia R$ 153,00 em cédulas e R$ 2,00 em moedas; no interior do carro dele havia mais R$ 2.037,00, em cédulas de diversos valores. Diante dos fatos, objetos, entorpecentes e os indivíduos foram conduzidos à 54ª Delegacia Regional de Polícia Civil.

Comentários