Alunos da rede municipal de Ivaiporã receberão conteúdos para estudo em casa

Rose Sirço – secretária municipal de Educação de Ivaiporã

Rose Sirço – secretária municipal de Educação de Ivaiporã

Alunos da rede municipal de ensino de Ivaiporã passarão a receber conteúdos elaborados pelos professores para estudo em casa. Segundo a secretária municipal de Educação de Ivaiporã, Rose Sirço, no início da semana, houve uma reunião com a participação de diretores das escolas, coordenadores dos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI´s) e equipe pedagógica da Secretaria Municipal de Educação, com o objetivo de discutir a medida provisória do Governo Federal e também as normativas do Conselho Estadual de Educação, com relação à possibilidade de realização das aulas à distância. A reunião definiu que, durante a semana, os professores irão organizar atividades e os pais receberão um comunicado para irem às escolas retirar as atividades. Cada escola organizará um cronograma de distribuição do material, para evitar aglomerações e também para que sejam respeitadas as normas da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Os professores também vão utilizar as ferramentas tecnológicas para interagir com os alunos. “Praticamente todos têm celular em casa e vão ser formados grupos com os alunos, para ser feita a interação entre professor e aluno, para que não se perca esse vínculo”, frisa a secretária de Educação.

A medida provisória editada pelo Governo Federal extinguiu a obrigatoriedade dos 200 dias letivos, mas manteve a necessidade das 800 horas e, para dar conta dessa necessidade, o município vai adotar essa atividade complementar, para ser feita em casa, assim como já está sendo realizado pela rede estadual de educação e pelas universidades. “Os professores e educadores têm a autonomia de selecionar o material e confeccionar, pois cada um tem sua metodologia e conteúdos já pré-definidos, além disso, os alunos da rede municipal contam com as apostilas, que vão ajudar no desenvolvimento das atividades”, ressalta Rose Sirço.

Já os alunos dos CMEI´s não têm a obrigatoriedade no cumprimento dos dias letivos e da carga horária, mas os centros também vão disponibilizar material para essas crianças, principalmente, tentando manter o vínculo e os laços afetivos entre os professores e alunos. “Nesse momento, as crianças estão muito ansiosas, pois estavam acostumadas com o fato de irem à escola e, por isso, é fundamental que o afeto e carinho sejam mantidos os educadores e os alunos”, cita a secretária de Educação.

Comentários