Jardim Alegre adota medidas protetivas e autoriza a abertura do comércio

Prefeitura emite novo decreto sobre funcionamento do comércio

Prefeitura emite novo decreto sobre funcionamento do comércio

A Prefeitura de Jardim Alegre emitiu um novo decreto possibilitando a abertura do comércio local para o atendimento ao público, que começou a ser válido a partir da segunda-feira, dia 30 de março. O decreto assinado pelo prefeito José Roberto Furlan colocou diversas restrições e medidas para o funcionamento das lojas, sendo a principal a observação de 1,5 metro de distância entre clientes e funcionários. Todos os estabelecimentos devem colocar à disposição dos clientes e funcionários álcool 70 e banheiro com água corrente, sabonete líquido e papel toalha. Os funcionários também devem receber equipamentos de proteção individual como máscaras e luvas. Não é permitido o consumo de alimentos e bebidas alcoólicas no interior do estabelecimento e não pode ocorrer a aglomeração de pessoas.

Nos supermercados da cidade é permitida apenas a presença de 10 pessoas por estabelecimento e, nos mercados, apenas 5 pessoas por vez e também com distância de 1,5 metro. As clínicas médicas e odontológicas podem atender por meio de agendamento para evitar aglomerações; salões de beleza e clínicas estéticas também só podem atender um cliente por vez, não podendo ter clientes em espera.

Todos os instrumentos precisam passar por higienização após o uso. Academias de ginástica e estúdios de pilates foram autorizados a funcionar, seguindo uma série de regras e normas.

O município também instituiu o toque de recolher, a partir das 19h00, e proibiu a aglomeração em praças, parque e lugares públicos e locais privados.

Comentários