Atrás, trás e traz

Imagem da notícia.

Talvez seja óbvio para muitos que essas três palavras sejam escritas assim. Mas, é fato: são vítimas de muitas confusões.

Às vezes, o “z” do “traz” permuta com o “s” do “atrás”, ou “trás” é indevidamente usado como se fosse uma legítima conjugação do verbo “trazer”.

Para não confundir mais:

“Atrás” é grafado com “s”. É um advérbio de lugar.

Ele estava atrás de mim quando tudo aconteceu.

O ponto de ônibus fica atrás do shopping.

“Traz”, do verbo “trazer”, conjugado na terceira pessoa do singular, é escrito com “z”.

O autor traz para o seu romance a questão da seca.

Ele sempre traz flores quando vem me ver.

“Trás” (com “s” e acento) significa “na parte posterior” e é sempre precedido por preposição.

Ele estava por trás disso tudo desde o começo.

Ande mais depressa, senão ficará para trás.

Resumindo: os advérbios terminam com “s”. O verbo conjugado é o único que termina com “z”. “Atráz” (com “z”) não existe.

Como grafar corretamente: Muçarela, mozarela ou mussarela?

Com o novo acordo ortográfico, promulgado no Brasil em 2009, começou-se a dar mais atenção à grafia das palavras. E grande parte das pessoas ficou surpresa ao notarem que “mozarela” não se escreve com dois “s”. Mas é importante saber que essa grafia era válida antes mesmo do acordo.

“Mozza”, em italiano, significa leite de búfala ou de vaca talhado. Essa denominação se deve à espécie de fungo usada para talhar o leite, chamado “mozze”.

“Mozzarella”, palavra em italiano e diminutivo de “mozza”, originou a palavra “mozarela”, em português. A diferença para a palavra em italiano é a ausência das consoantes duplicadas (“z” e “l”).

Para aproximar mais a grafia da palavra “mozarela” da língua portuguesa, recorreu-se a uma convenção já existente em nosso idioma. O “z”, em diversos termos, é grafado com “c” ou “ç”, como ocorre em casos como: feliz – felicidade; capaz – capacidade. Assim, a outra opção de grafia de “mozarela” é escrever “muçarela” (com “ç” e não com dois “s”).

Portanto, o adequado é escrever MOZARELA ou MUÇARELA.

Pois é, a Língua Portuguesa é complexa, contudo, se prestarmos atenção, vamos nos apropriando das formas adequadas.

Até a próxima semana!

Comentários