Campi de Ivaiporã é destaque no 9º Jogos dos Institutos Federais

Delegação que representou Ivaiporã no 9º Jifpr. Por: Divulgação

Delegação que representou Ivaiporã no 9º Jifpr

Fonte: Divulgação

Uma delegação composta por 36 atletas representou o campi de Ivaiporã na 9ª edição dos Jogos dos Institutos Federais (JIFPRs), realizado em Palmas (PR), no período de 10 a 14 de dezembro, reunindo aproximadamente 800 atletas de todos os campi dos IFPR em diversas modalidades esportivas.

O IFPR de Ivaiporã participou nas modalidades de Atletismo (masculino e feminino), Vôlei de Areia (masculino e feminino), Voleibol (masculino), Tênis de Mesa (masculino), Handebol (feminino) e Futsal (masculino e feminino).

No atletismo, a atleta Juliana Eisele trouxe a medalha de Ouro nos 100 e 200 metros rasos, assim como André Andrade e Gustavo Beker, que subiram ao pódio com as medalhas de Prata e Bronze nos 400 e 100 metros rasos, respectivamente. Já Davi Lazzarin ficou em 5º no lançamento do dardo, prova que contou com participação do campeão da fase sulbrasileira.

No tênis de mesa, Emanuel Couto por pouco não garantiu a medalha de Ouro, mas acabou ficando com a Prata. No vôlei de areia masculino, Vitor Wicttoff e Vinícius Natan, ficaram com a Prata, enquanto Dani Corrêa e Jenifer Oliveira fizeram boa campanha, mas perderam para Assis Chateaubriand, que chegou à decisão, nas quartas de final.

O handebol feminino formado por atletas de 15 e 16 anos, terminou em 3º lugar enfrentando equipes com atletas universitárias e que treinam há bastante tempo juntas. Destaque na conquista da medalha de Bronze para as jogadoras Letícia Lima e Emilly Corrêa, observadas pelo técnico da equipe estadual para compor o elenco que disputará a fase Sul Brasileira e a Brasileira no ano que vem.

Por sua vez, o futsal masculino comprovou a força e tradição na competição ao sagrar-se campeão pela 3ª vez, repetindo o feito de 2015 e 2018. A campanha teve como destaques os atletas Lucas Carvalho e Tiago da Silva, que compuseram a equipe estadual do IFPR, que ficou com o vice-campeonato na etapa nacional, além do goleiro João Recke (Rex), que brilhou na disputa de pênaltis da final contra Paranavaí. Por outro lado, o time feminino que era um dos favoritos ao Ouro foi eliminado por WO, após um problema de comunicação entre a equipe e a Comissão Organizadora e a Disciplinar, que alterou o cronograma de jogos das meninas sem prévio aviso.

O professor Marco Antonio Lima Rizzo relatou que o JIFPR é um evento que oportuniza aos alunos a troca de ideias sobre os Institutos Federais (IFs) e os cursos técnicos da rede de IFs. Ele destacou ainda que a delegação de Ivaiporã fez boa atuação e conseguiu medalhas em quase todas as modalidades. “A nossa boa participação no quadro geral de medalhas é em virtude de uma região com um enorme potencial esportivo, se as cidades do Vale do Ivaí investirem na juventude, por meio do esporte, tenho certeza que os talentos despontarão em vários eventos, modalidades e categorias. Penso que nossos adolescentes só tem a ganhar com uma formação mais integral e completa promovida pelas práticas corporais e a sociedade ganha com cidadãos ativamente saudáveis e cientes da necessidade de se dedicar em seus afazeres”, ressaltou Marco Rizzo.

Comentários