Polícia Militar entrega presentes de natal a famílias carentes de Faxinal

Vitória Gabrieli e a mãe recebem presentes da Pm de Faxinal. Por: Divulgação

Vitória Gabrieli e a mãe recebem presentes da Pm de Faxinal

Fonte: Divulgação

A família da menina Vitória Gabrieli Machado de Lima, 7 anos, recebeu, recentemente, a visita dos soldados Magioni e Ribeiro, da 6ª Companhia Independente de Polícia Militar de Ivaiporã, lotados no Destacamento de Faxinal.

A garota, que mora no Bairro Vila Nova, em Faxinal, escreveu uma carta ao Papai Noel pedindo de presente uma boneca que fala e uma cesta básica para a mãe que está desempregada.

O soldado Magioni explicou que soube do pedido da menina após acompanhar a noiva dele em uma reunião do Rotary de Faxinal e eles decidiram adotar duas das cartas do Papai Noel dos Correios e se solidarizaram com a história de Vitória Gabrieli, porém na primeira entrega a moça não pode ir, então o soldado Magioni e o soldado Ribeiro foram até a residência indicada e fizeram uma surpresa para a garota, durante o expediente.

“Quando chegamos à residência fomos recebidos pela mãe e pela criança e pudemos notar o brilho no olhar e a gratidão delas por receberem os presentes. Além de proporcionar o sorriso dessa família, pudemos também, com esse gesto, fazer a integração entre a comunidade e a Polícia Militar, pois geralmente as pessoas imaginam que a polícia está ali para oprimir ou prender, mas não é somente isso, nós também nos sensibilizamos e mobilizamos com casos como esse, visando mostrar para a comunidade que ela pode contar conosco”, relatou soldado Magioni.

A outra carta adotada pelo policial e pela noiva dele era de um rapaz de 27 anos, que pedia um par de tênis e uma cesta básica para a família, que passa por dificuldades. “Um momento marcante foi quando o rapaz disse que não se lembrava da última vez que tinha colocado um tênis novo no pé. Não imaginei que esse gesto fosse repercutir de forma tão positiva e espero que, a partir dessa ação, mais pessoas vejam que pequenos gestos podem mudar a vida de uma família”, completou o policial.

Comentários