Programa incentiva troca de lixo reciclável por material escolar

Emily Sakurai e Maicol Barbosa lançam programa Pitanga Sustentável

Emily Sakurai e Maicol Barbosa lançam programa Pitanga Sustentável

Uma iniciativa da Secretaria Municipal de Saúde de Pitanga, com o apoio das secretarias de Educação e Meio Ambiente, pretende incentivar a troca de lixo reciclável, especialmente aqueles materiais que possam acumular água e se transformar em criadouros do mosquito da dengue, em material escolar para o ano letivo de 2020.

Na semana passada, foi lançado, na Escola Municipal Afonsina Mendes Sebrenski, o programa Pitanga Sustentável: Volta às Aulas. A divulgação contou com a presença do prefeito Maicol Barbosa; da secretária de Saúde, Emily Sakurai; da presidente da Câmara de Vereadores, Eloy de Lurdes Ottoni Pauloski; do secretário de Educação, Alfredo Schavaren; a engenheira ambiental, Patrícia Arns; e do vereador Osvaldo Krupek; além funcionários das secretarias envolvidas e outras autoridades.

Segundo a secretária Emily Sakurai, o principal objetivo do projeto é manter e até mesmo reduzir o índice de infestação do mosquito Aedes Aegipty, que é o principal transmissor da dengue, febre chikungunya e zika. O município de Pitanga registra baixos índices da incidência do mosquito, atualmente em 0,3%, bem menor que o preconizado pelo Ministério da Saúde, que é de 1%. No entanto, a iniciativa é para manter esse padrão e, para isso, por meio dessas parcerias, os alunos da rede pública municipal serão incentivados, durante as férias escolares e com o apoio dos pais, a coletar materiais recicláveis. O volume arrecadado será contabilizado em pontos para cada criança, que se transformarão em materiais escolares como apontador, borracha, cola, giz de cera, lápis de cor, lápis, caneta, massa de modelar, tesoura, régua, tinta guache, caneta marca texto, caderno de 48 folhas. Ainda como bônus, o aluno que conseguir 700 pontos no programa receberá uma mochila e ainda haverá um prêmio especial, que é um álbum e pacotes com as figurinhas, que podem ser trocadas entre as crianças.

A secretária de Saúde ressalta que é necessária a colaboração dos pais para ajudar as crianças com a coleta desses materiais e será realizado um cronograma para a troca dos materiais por pontos. “Precisamos da colaboração dos pais e também do processo que mudança de comportamento e apoio da sociedade para o efetivo combate ao mosquito Aedes Aegipty, por meio dessa estratégia de articulação transversal, que objetiva a melhoria na qualidade de vida e redução dos riscos à saúde”, frisa.

Durante semana, as equipes de combate à dengue de Pitanga estarão realizando a divulgação nas escolas da área urbana e rural. A ação conta com o apoio da Secretaria de Educação na divulgação do programa e do Meio Ambiente para o recolhimento e destinação correta dos materiais a serem reciclados.

Equipes da saúde participaram do programa de incentivo ao combate ao mosquito da dengue

Equipes da saúde participaram do programa de incentivo ao combate ao mosquito da dengue

Comentários