Revisão biométrica termina dia 29 de novembro na 93ª zona eleitoral de Ivaiporã

Eleitores fazem cadastramento biométrico em Ivaiporã. Por: Antonello Nadal

Eleitores fazem cadastramento biométrico em Ivaiporã

Fonte: Antonello Nadal

Para evitar o cancelamento do título eleitoral, os mais de 41 mil eleitores dos quatro municípios que fazem parte da 93ª Zona Eleitoral de Ivaiporã estão passando pela revisão biométrica, que começou em 22 de abril e termina no dia 29 de novembro.

Até o início de novembro, Arapuã era o município da Comarca com maior índice de eleitorado revisado com 69,9% (2.238 dos 3.203 eleitores); Lidianópolis vem na sequência com 69,3% (2.430 dos 3.505 eleitores); Ivaiporã aparece em 3º lugar com 63,7% (15.921 dos 24.991 eleitores); e Jardim Alegre fecha a lista com 62,3% (5.963 dos 9.564 eleitores).

Ou seja, dos 41.263 eleitores aptos a votar nas próximas eleições, que ocorrem em 2020, 14.711 ainda não compareceram ao Fórum Eleitoral para realizar a revisão biométrica.

Para fazer a biometria, o eleitor pode agendar o atendimento pelo site do TRE/PR no endereço www.tre-pr.jus.br ou ainda ir pessoalmente ao Fórum Eleitoral de Ivaiporã, que fica na Avenida Itália, ao lado do Campus da UEM e funciona de segunda a sexta-feira, das 12h00 às 19h00. No entanto, nesse caso, o atendimento é por ordem de chegada.

No momento do atendimento é preciso levar um documento original com foto (RG, CNH, carteira de trabalho, carteira profissional), comprovante de endereço que demonstre vínculo com o município, e título de eleitor.

O chefe do Cartório Eleitoral, Rafael Paschoal Teixeira Santos, orienta os eleitores que ainda não fizeram o cadastro a agendar o atendimento o quanto antes. O objetivo é evitar as longas filas que se formam próximo ao prazo final. “Nossa maior dificuldade tem sido em relação à documentação apresentada. Por isso, em caso de dúvidas, o eleitor pode ligar no cartório eleitoral 3472-4844 para esclarecer antes de vir fazer o cadastramento”, alertou, lembrando da importância do comparecimento do eleitor para a revisão.

O juiz eleitoral Dirceu Gomes Machado Filho destacou que o Fórum Eleitoral vai atender em horário especial nos dias 23 e 24 de novembro, das 09h00 às 17h00. Dirceu Filho lembrou que para os eleitores maiores de 70 anos o voto é facultativo, porém, quem não fizer o recadastramento biométrico também terá o título cancelado.

Além disso, as consequências do não recadastramento para qualquer cidadão apto a votar são bloqueio do CPF, suspensão de benefícios sociais, impossibilidade de obtenção de passaporte internacional, impossibilidade de ingressar em instituições de ensino superior, impossibilidade de obtenção de diploma de conclusão de nível superior e impossibilidade de contratar com o serviço público. “É importante que 100% do eleitorado faça a revisão biométrica porque quem não estiver em dia com a Justiça Eleitoral não poderá votar e nem ser votado. Por isso, vamos intensificar o trabalho nos municípios de Ivaiporã e Jardim Alegre”, afirmou.

O juiz eleitoral avaliou que a biometria é um avanço da Justiça Eleitoral, que trará mais segurança ao voto. “A biometria vai acabar com qualquer duplicidade de título de eleitor ou qualquer outra intercorrência, garantindo a segurança do voto”, comentou.

Chefe do Cartório Eleitoral, Rafael Paschoal e juiz eleitoral, Dirceu Machado Filho explicam detalhes da biometria. Por: Antonello Nadal

Chefe do Cartório Eleitoral, Rafael Paschoal e juiz eleitoral, Dirceu Machado Filho explicam detalhes da biometria

Fonte: Antonello Nadal

Comentários