Idoso de 89 anos é suspeito de abusar sexualmente de menino de 10 anos

A Polícia Militar de Ivaiporã e o Conselho Tutelar do município foram acionados, por volta das 9h20 da manhã da segunda-feira, dia 4 de novembro, para atender ocorrência de estupro de um menino de 10 anos. O fato teria ocorrido em um sítio, na comunidade de Água da Laranjeira. Segundo o tio da vítima, durante o final de semana, o menino foi levado por uma senhora, que é conhecida da família, para esse sítio, que sempre foi frequentado por ele.

O tio contou que, ao chegar, por volta das 18h00, o menino ficou quieto e sem reação. Ao ser questionado se estava tudo bem, o menor começou a chorar e relatou que estava ocorrendo uma festa no sítio, com muitas pessoas fazendo uso de bebida alcoólica. Nesse momento, o proprietário do sítio, de 89 anos, levou o menor para um paiol e ofereceu dinheiro para praticar sexo com ele.

O idoso teria abaixado a bermuda do menor, passado a língua no peito dele, além de mostrar suas partes íntimas, tentando induzir o menino a cometer o ato libidinoso, o que não foi consentido por ele. Diante do relato, o tio acionou a Polícia Militar e o Conselho Tutelar, que foram até o sítio e prenderam o suspeito, que foi conduzido à Delegacia de Polícia Civil de Ivaiporã.

O delegado Aldair da Silva Oliveira informou que foi instaurado inquérito policial para apurar o cometimento do crime de estupro de vulnerável. Ele ouviu o suspeito, que foi liberado na sequência. O delegado aguarda a conclusão de alguns laudos periciais para encerrar o inquérito policial e encaminhar o caso à justiça. Ele explicou que o suspeito não ficou detido, pois o fato ocorreu durante o final de semana e a situação só foi encaminhada à Delegacia da Polícia Civil, na tarde da segunda-feira, dia 4 de novembro, saindo do período de flagrante, que não possibilitou o pedido de prisão cautelar.

Comentários