Caratecas de Jardim Alegre conquistam medalhas no Brasileiro e vão ao Mundial

Prefeito e secretário de Esportes recebem equipe da Associação de Karatê Jardim Alegre. Por: Divulgação

Prefeito e secretário de Esportes recebem equipe da Associação de Karatê Jardim Alegre

Fonte: Divulgação

Os caratecas da Associação de Karatê Jardim Alegre, Edson Antonio da Silva, Anderson Amaro de Lima, Luciana Barbosa de Azevedo e Rafael Beker de Souza, conquistaram seis medalhas de Bronze representando o Estado do Paraná no Campeonato Brasileiro de Karatê-Do Tradicional realizado em Cuiabá (MT), realizado no período de 5 a 8 de setembro.

Luciana Barbosa de Azevedo garantiu a medalha na categoria kumite equipe feminino; Rafael Beker de Souza no kata masculino; enquanto Edson Antônio da Silva e Anderson Amaro de Lima ganharam no Embu masculino. Com o resultado, o quarteto garantiu vaga e representará o Brasil no Mundial da modalidade, que acontece em dezembro, em Curitiba, onde estarão os melhores caratecas do mundo.

Edson Antonio da Silva, Anderson Amaro de Lima e Luciana Barbosa de Azevedo acompanhados do sensei Wagner Prudêncio foram recepcionados na sexta-feira, 13 de setembro, na Prefeitura de Jardim Alegre pelo prefeito José Roberto Furlan e pelo secretário municipal de Esportes Luiz Carlos Pereira (Chocolate).

O prefeito Furlan disse que é uma honra para Jardim Alegre ter atletas que representam o município em competições nacionais e internacionais. “Jardim Alegre sente orgulho por ter vocês representando tão bem o nome do nosso município no pódio de um Campeonato Brasileiro e agora indo para o Mundial de Karatê e levando o nome de Jardim Alegre e do Vale do Ivaí ao topo”, falou o prefeito.

O secretário de Esportes, Chocolate ressaltou que o Karatê é um orgulho para o esporte jardim alegrense pelas conquistas e elevar o nome do município ao nível nacional e agora internacional. “Em nome da comunidade esportiva agradeço o apoio do prefeito Furlan pelos frutos que tem sido colhidos não só pelo Karatê, mas por todas as modalidades. O Karatê que começou em 1998 chega ao nível mais alto ao disputar os campeonatos Brasileiro e Mundial”, desatacou.

O sensei Wagner Prudêncio destacou o comprometimento da equipe nos treinamentos e lembrou que o resultado não seria possível caso não houvesse apoio do poder público. “Fomos convocados várias vezes, mas não tivemos a oportunidade de representar o Paraná e o município, e agora teremos essa chance de disputar mais duas competições ainda esse ano antes do mundial para fechar o ano com chave de ouro”, afirmou.

Comentários