Cooperativas e associações de produtores podem acessar recursos do Governo do Estado

Chefe do escritório da Seab de Pitanga, José Camilo

Chefe do escritório da Seab de Pitanga, José Camilo

Associações e cooperativas de produtores ligados à agricultura familiar têm até o dia 17 de setembro para apresentar os projetos e acessar os recursos do programa Coopera Paraná, que contempla investimentos para fomentar e fortalecer a produção dos pequenos produtores do estado. O Governo do Paraná, por meio da Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento (Seab), lançou o edital contemplando o valor de R$ 30 milhões para esse programa em todo o Paraná. Serão contemplados projetos que visam investimentos em equipamentos, veículos, edificações e industrialização de produtos, com valores que podem girar entre R$ 47 mil a R$ 420 mil.

O chefe do núcleo regional da Seab de Pitanga, José Guilherme Camilo, comenta que, nos últimos dias, tem sido feito um trabalho de articulação política e visita aos prefeitos, secretários de agricultura e lideranças, visando divulgar o programa e incentivar as cooperativas e associações que apresentam os projetos e tentem acessar os recursos previstos no edital.

Ele destaca que, no Paraná, são 175 cooperativas e mais de 400 associações ligadas à agricultura familiar, que estão regularizadas e podem encaminhar esses projetos. Os recursos que serão liberados são a fundo perdido, ou seja, as entidades beneficiadas não precisarão repor estes valores.

No entanto, ele alerta que o prazo para a apresentação é bem curto e os projetos precisam estar bem fundamentos e elaborados e a documentação da associação em ordem. “Estamos fazendo reuniões com os municípios e as lideranças, mas os representantes de associações e cooperativas podem procurar a Emater do seu município e esclarecer as dúvidas com relação ao programa”, comenta José Camilo.

Comentários