Festa de Sant’Ana divulga programação da 85ª edição

Tradicional festa na paróquia Sant’ana começa no dia 19 de julho

Tradicional festa na paróquia Sant’ana começa no dia 19 de julho

O padre Gilson José Dembinski, pároco da igreja matriz Sant’Ana de Pitanga, anuncia a festa em comemoração à padroeira do município, que está na 85ª edição este ano. “Essa festa é uma longa tradição e há tempos marca um momento de encontro e espiritualidade de toda a comunidade de Pitanga e região”, comenta o padre.

A festa acontece entre os dias 19 e 28 de julho e, durante os 10 dias, várias serão as novidades, como o Festival Cultural de Música Sacra, que acontece entre os dias 19 e 21 de julho, que retorna à programação da festa de Sant’Ana; a Caminhada Ecológica, que terá saída na paróquia do bairro Pitanguinha e seguirá de ônibus até o Rio Batista, de onde os caminhantes voltam a Pitanga, passando pelas paróquias Nossa Senhora da Glória até a igreja matriz e que acontecerá no dia 26 de julho (feriado municipal). Ainda na sexta-feira, também às 7h30 terá início o passeio ciclístico Pedalando com Sant’Ana. Às 10h00 haverá missa da padroeira e às 12h00 será servido o almoço festivo. A programação do feriado municipal será encerrada com matinê dançante, animada pelo grupo Toque do Povo.

No domingo, dia 28 de julho, a programação tem início com a corrida de Sant’Ana, com largada prevista para as 8h00. Às 9h00 será realizada a carreata com os padroeiros, saindo das capelas, com saída no Parque do Lago. Às 10h30 será celebrada a Santa Missa; às 12h00 acontecerá o almoço festivo; às 13h30 a homenagem à vovó rainha e, na sequência, o bingo dos dizimistas com valor de R$ 1,5 mil na cartela cheia e R$ 500 na cinquina. Às 15h00 continuam os tradicionais binguinhos e às 16h00 o show de prêmios com sorteio de R$ 20 mil na cartela cheia e animação da Banda Ventanas.

A parte religiosa contará com a celebração da missa e a novena, sempre a partir das 19h00 e a cada noite, um padre diferente, mas que tem uma ligação com a paróquia, passará por Pitanga. “Após a novena, todas as noites será servida uma sopa ou teremos a já tradicional venda do pastel de Sant’Ana, salgados, entre outras atrações no salão paroquial, como o tradicional binguinho, entre outras atividades”, comenta o padre Gilson Dembinski.

Ele acredita que durante todo o evento serão cerca de 200 pessoas envolvidas em toda a festa, além do grande número de visitantes e participantes de todo o município. “A nossa expectativa é de uma grande festa e que está sendo preparada com muito carinho”, disse o padre.

Comentários