A verdadeira sabedoria

Imagem da notícia.

Uma certa vez, um jovem fez uma visita ao grande sábio para lhe perguntar como se deveria viver para adquirir a sabedoria.

Ao invés de responder, o velho sábio resolveu propor a ele um desafio:

- Pegue uma colher, encha-a de azeite e ande por cada canto deste bairro, mas sem deixar cair uma gota sequer.

O jovem então, após concordar, sai com a colher na mão, andando muito cuidadosamente, com toda a sua atenção na colher, segurando-a firmemente. Ao concluir o desafio, ele volta muito orgulhoso de si ao sábio e mostra a colher. Imediatamente o sábio pergunta:

- Você conseguiu ver as lindas árvores que havia pelo caminho? Sentiu o cheiro das flores do jardim pelas quais passou? Prestou atenção ao canto dos pássaros

Confuso por não entender o motivo daquelas perguntas, o jovem nega todas elas. Então o ancião diz:

- Se você viver apenas para concluir os desafios e tarefas da vida sem desfrutar das coisas boas que este mundo tem a oferecer, nunca encontrará sabedoria na vida, nunca será sábio de verdade.

Logo em seguida, o sábio propõe que o jovem repita todo o desafio, mas, desta vez, contemplando tudo que houvesse pelo caminho. E novamente, o moço vai com a colher na mão, mas desta vez admirando e se maravilhando com as coisas que via. Com isso, acabou esquecendo-se da colher e ficou observando as árvores, sentindo o aroma das flores e dando ouvidos ao canto dos pássaros.

Ao chegar à casa do sábio, o mesmo perguntou se o moço havia visto tudo. Muito empolgado, o jovem diz que sim. Por fim, o velho sábio pergunta ao jovem pela colher e só então ele percebe que havia derramado tudo pelo caminho.

Olhando sorridente para o jovem, o velho homem diz:

- A verdadeira sabedoria na vida não pode ser alcançada assim. Você não pode viver apenas para as alegrias do mundo e não cumprir com as suas responsabilidades. Essa não é a forma de ser sábio.

A verdadeira sabedoria só pode ser alcançada quando você conseguir cumprir as suas responsabilidades sem deixar de desfrutar das alegrias da vida.

Esta é a única maneira de conhecer a verdadeira sabedoria.

Autor desconhecido

Comentários