Curso de cabeleireiro do Senac organiza ação em prol do Hospital do Câncer de Londrina

Iniciativa das alunas arrecadará mechas para pacientes com câncer. Por: Divulgação

Iniciativa das alunas arrecadará mechas para pacientes com câncer

Fonte: Divulgação

O curso de cabeleireiro do Senac de Ivaiporã está promovendo uma ação denominada Amor em Mechas, corte e compartilhe, que faz parte do projeto Integrador da turma, que tem aulas às segundas e quartas-feiras, das 19h30 às 22h30, ministradas pela instrutora Camila Andrade.

O tema foi escolhido pelas alunas do curso com o intuito de arrecadar mechas para confecção de perucas que serão doadas para o Hospital do Câncer de Londrina.

De acordo com a instrutora da área de beleza, Camila Andrade, já foi estabelecido um contato com o hospital, onde as alunas receberam orientações de como deveria ser a execução dos cortes para que as mechas possam ser aproveitadas, bem como a forma de entrega, que deverá ser feita pessoalmente no hospital. A expectativa é arrecadar pelo menos 100 mechas de cabelo tanto masculino quanto feminino. “Os dias 6 e 8 de maio serão especificamente destinados ao corte para doação. A meta é arrecadar entre 100 e 200 mechas de cabelo, que tenham pelo menos 15 centímetros”, explicou Camila Andrade, citando que já há uma boa quantidade de mechas arrecadadas nas aulas práticas do curso.

A instrutora afirmou que a iniciativa das alunas em realizar uma ação social e ajudar o próximo é de muita empatia. Ela ressaltou que, na execução do projeto Integrador, as alunas farão ainda um documentário com fotos vídeos e depoimentos de quem recebeu as mechas, a fim de apresentar à comunidade os resultados alcançados, além de conscientizar sobre a importância da doação e do trabalho desenvolvido pelo hospital no tratamento de pessoas com câncer.

A aluna Marina Barbosa, que é manicure, disse que o projeto busca proporcionar um momento de alegria a quem está tratando de câncer. “Eu já doei e me senti feliz, até porque cabelo é uma coisa que cresce rápido. Fazer isso de coração para ver o sorriso de uma pessoa que está passando por uma doença como o câncer não tem preço”, acrescentou a aluna.

Comentários