Familiares reclamam de proibição de ingresso de sacolas com alimentos na cadeia de Ivaiporã

Familiares solicitam entrada de sacola com alimentos. Por: Aldinei Andreis

Familiares solicitam entrada de sacola com alimentos

Fonte: Aldinei Andreis

Familiares dos presos que estão recolhidos à cadeia pública de Ivaiporã realizaram, na manhã da quarta-feira, dia 13 de março, uma manifestação por causa da proibição, determinada pelo Departamento Penitenciário do Paraná (Depen), de entrada de sacolas com alimentos e também a visita dos familiares aos detentos, após a fuga ocorrida há cerca de 10 dias. A informação na porta da entrada da carceragem é que apenas na próxima quarta-feira, dia 20, será permitida a entrada dos alimentos e produtos de higiene pessoal.

Além dessa proibição, os familiares também reclamaram com relação à qualidade da comida fornecida pelo Estado, que eles consideram de baixa qualidade e sem gosto. Eles pediram a entrada dos alimentos, justamente para que os presos tenham uma alimentação melhor e não passem necessidades.

O delegado regional de Ivaiporã, Aldair Oliveira, comentou que as vedações temporárias impostas aos presos são normas do DEPEN e que não sofrem intervenção do delegado regional. Ele comenta que esse procedimento é padrão, após uma fuga ou tentativa de fuga, e que a suspensão de visitas e entrada de sacolas faz parte dos procedimentos adotados pelo Departamento Penitenciário, sempre que ocorre tipo de intercorrência. Ele ressalta que a suspensão é temporária e adotada sempre nesses casos. Sobre a reclamação das famílias em relação à qualidade da comida que é servida aos detentos, ele vai acionar a empresa e a nutricionista responsável para que apresentem explicações.

Comentários