Suspeito de matar ex-mulher em Pitanga tenta suicídio

Veículo do suspeito colide em caminhão

Veículo do suspeito colide em caminhão

Uma mulher foi morta a tiros em Pitanga no domingo, 3 de março. O principal suspeito é ex-marido dela que, segundo a Polícia Militar, não aceitava o divórcio ocorrido há dois meses.

Conforme a PM, o homem de 58 anos foi até a casa da ex-companheira, que tinha 36, e atirou duas vezes contra ela e o enteado, de 19 anos. A mulher morreu no local, e o jovem foi levado ao hospital.

Recentemente, a vítima chegou a procurar a delegacia para registrar um Boletim de Ocorrência e pedir medida protetiva contra o ex-marido por ameaça.

Ainda de acordo com a polícia, depois do crime, o suspeito pegou a estrada no sentido Campo Mourão e se envolveu em um acidente. O carro dele bateu de frente com um caminhão.

O homem desceu do veículo e atirou contra a própria cabeça, sendo socorrido e levado para um hospital em Ivaiporã, onde segue internado, sob escolta policial.

O corpo da vítima foi encaminhado ao IML de Guarapuava.

Nota da OAB

Em nota, a presidente da OAB de Pitanga, Geovania de Fátima Dziubate manifestou consternação e solidariedade à família, além de lamentar os constantes atos de violência doméstica contra as mulheres. “Nós da OAB subseção de Pitanga não compactuamos com tamanha crueldade”, esclareceu.

A nota segue informando que os advogados da Subseção de Pitanga trabalharão junto ao Judiciário para prevenir atrocidades como essa, bem como à aplicação imediata das medidas protetivas e a punição severa aos agressores.

Após acidente homem tenta suicídio

Após acidente homem tenta suicídio

Comentários