IFPR inicia aulas do curso de bacharelado em Sistema de Informação

Alunos participam da aula inaugural do curso

Alunos participam da aula inaugural do curso

O Instituto Federal do Paraná (IFPR), campus Ivaiporã, realizou, recentemente, a aula inaugural do curso de bacharelado em Sistemas de Informação, com uma palestra ministrada pelo analista de Tecnologia da Informação (TI) da Schuberg Philis, Otávio Fernandes, empresa de missão crítica situada em Amsterdã, na Holanda.

Fernandes abordou temas como o mercado de trabalho para a área de TI, e sua receptividade para com o brasileiro. Segundo o IDC Brasil, o mercado de TI crescerá 10,5% em 2019 e, além disso, possui 3 das 10 melhores profissões segundo o ranking anual do CareerCast.com, que avalia 5 critérios: demandas físicas, ambiente de trabalho, renda, estresse e perspectivas de contratação.

O palestrante apontou os prós e contras da carreira e ressaltou a importância de uma formação voltada para o mercado de trabalho e suas necessidades.

A videoconferência ocorreu diretamente de Amsterdã e foi promovida com o uso de equipamentos doados pela comunidade na campanha de lixo eletrônico, realizada na cidade de Ivaiporã e região, que foram restaurados pelos alunos do ensino técnico no ano de 2018.

Os alunos entenderam a importância da informática e seu contexto em todas as áreas, desde a agricultura, até a prestação de serviços. Nenhuma área poderá atingir seu nível de excelência sem a ajuda da computação e da tecnologia por ela empregada.

O convite foi realizado pelo professor Naylor Garcia Bachiega, coordenador do curso, que trabalhou com o palestrante na Locaweb, maior empresa de Internet da América Latina, e que, hoje, atua como professor do curso recém-inaugurado no campus de Ivaiporã.

O coordenador do curso destacou a importância dessa formação para a região, tendo em vista que o crescimento econômico baseado no agronegócio está intrinsecamente ligado ao desenvolvimento tecnológico.

A grade do curso foi criada com a ajuda de diversos professores e técnicos, com destaque para os professores Luiz Leonardo de Siqueira, José Luiz Vilas Boas, Onivaldo Flores Júnior, Sonia Maria da Costa Mendes, Andrey Vinícius Rocha de Oliveira e Naylor Garcia Bachiega.

A grade também foi pensada nas necessidades do mercado de trabalho, além de contemplar uma gama de novas tecnologias para desenvolvimento de software e ferramentas. “Um bacharel formado aqui no IFPR poderá trabalhar em todas as áreas da computação, desde desenvolvimento, suporte, hardware, tecnologias para redes e o futuro, que é a Computação em Nuvem ou Cloud Computing”, ressalta o professor.

De acordo com a revista Exame, o mercado pode perder R$ 115 bilhões até 2020 por falta de profissionais nessa área, ou seja, o campo de trabalho para esses profissionais é enorme e ainda há uma carência por bacharéis em Sistemas de Informação.

O curso é fruto de um trabalho coletivo, que envolve professores, técnicos administrativos, coordenadores, diretores, autoridades da cidade e todos aqueles que, de alguma forma, contribuem para o funcionamento dessa Instituição Federal de Ensino que, hoje, está mais que consolidada no Vale do Ivaí.

Palestra foi proferida diretamente da Holanda

Palestra foi proferida diretamente da Holanda

Comentários