Pitanga repõe vagas dos médicos cubanos

Novos médicos de Pitanga posam para foto ao lado do prefeito Dr. Maicol e da secretária Emily Sakurai

Novos médicos de Pitanga posam para foto ao lado do prefeito Dr. Maicol e da secretária Emily Sakurai

A Prefeitura de Pitanga conseguiu repor, no mês de janeiro, as vagas dos 4 médicos cubanos que deixaram o município, após a decisão do Governo de Cuba em encerrar de forma unilateral o Programa Mais Médicos. Segundo a secretária municipal de Saúde, Emily Sakurai, as vagas abertas com o desfalque dos médicos foram repostas por médicos brasileiros. Dois deles assumiram no mês de dezembro e os outros dois se apresentaram em janeiro de 2019. Ela informa que os profissionais Dr. Ferrari, Dr. Rollan, Dra. Rafaela e Dra. Jéssica são brasileiros e com registro no CRM (Conselho Regional de Medicina).

Segundo a secretária, houve dificuldade em remanejar os médicos para atender os postos de saúde e algumas situações ficaram desassistidas. “Fizemos um grande esforço para que a população não tivesse maiores problemas, mas, agora, conseguimos resolver e o atendimento nos postos de saúde voltou à normalidade”, disse.

Ela destaca que as unidades do interior já estão assistidas e o atendimento no posto central está em horário estendido das 7h00 às 19h00.

Comentários