Lunardelli retoma construção de quadra de esportes

Quadra de esportes deve ser concluída até maio

Quadra de esportes deve ser concluída até maio

Após a assinatura de um TAC (Termo de Ajustamento de Conduta) entre o Ministério Público, a Prefeitura e a empresa, a construção da quadra de esportes, localizada atrás do Centro de Eventos de Lunardelli, foi retomada. O prefeito de Lunardelli Reinado Grola e a vereadora Zeila Moribe estiveram no local vistoriando o andamento da obra. Na quinta-feira, dia 31 de janeiro, os trabalhadores da empreiteira iniciaram a colocação do revestimento nos vestiários. A expectativa é que, nos próximos dias, a cobertura de estrutura metálica seja colocada sobre a quadra.

Segundo o prefeito, esse é o terceiro convênio para a construção desta quadra de esportes. “Quando assumimos, essa obra já estava paralisada e com o contrato vencido, uma situação muito complicada”, comenta Grola. Os recursos para a obra são do Fundo Nacional de Desenvolvimento Educacional (FNDE), órgão vinculado ao Ministério da Educação. A obra foi orçada em R$ 510 mil.

Para conseguir retomar a obra, a Prefeitura de Lunardelli teve que recorrer ao Ministério Público e formalizou um TAC. Havia vários problemas e com diferença de aditivo da obra, a retomada não seria possível sem o aval do órgão. “Recorremos ao Ministério Público, que entendeu a necessidade da obra para a cidade e colocou suas considerações e as obrigações que deveriam ser seguidas pela empresa e pela prefeitura, e aceitamos. Isso foi muito positivo e significa mais um sonho da nossa comunidade”, informa o prefeito.

Ele ressalta que a quadra está vinculada à Escola Municipal Maria Miskalo e será usada pelos alunos e professores para a realização de atividades recreativas e pedagógicas. “Acredito que, até o mês de maio, vamos conseguir deixar essa obra pronta. As crianças e a comunidade vão poder utilizar esse espaço público”, cita o prefeito.

Pavimentação

O prefeito também visitou a Avenida Castro Alves, onde a prefeitura já realizou o trabalho de terraplanagem e, nessa semana, deve ter início a colocação do meio-fio. Segundo o prefeito, essa via é uma das mais antigas do município e não tinha pavimentação. O local não viabiliza a solicitação de um convênio junto ao Governo Federal ou Estadual porque a via, originariamente, era uma avenida, mas houve a invasão de uma das ruas. “Vamos utilizar recursos próprios, que é forma mais rápida e fácil para resolver esse problema”, comenta o prefeito.

Reinaldo Grola e Zeila Moribe acompanham início do trabalho em via pública

Reinaldo Grola e Zeila Moribe acompanham início do trabalho em via pública

Comentários