A escola ideal

Características do sistema educacional japonês:

Boas maneiras

No Japão as escolas ensinam primeiro as boas maneiras, as crianças são ensinadas a respeitar, ser gentil com todos até mesmo com os animais e a natureza, aprendem a ser generosas, compassivas, empáticas, ter autocontrole e coragem.

O ano letivo começa diferente

O ano letivo no Japão é dividido em 3 trimestres: 1 de abril a 20 de julho, 1 de setembro a 26 de dezembro, e 7 de janeiro a 25 de março. Os estudantes têm 6 semanas de férias durante o verão. Também têm pausas de duas semanas no inverno e na primavera, isso ajuda a recuperar o fôlego.

Os alunos limpam a escola

Nas escolas japonesas, os alunos têm de limpar as salas de aula, cozinhas e até mesmo os banheiros, tudo sozinhos. A escola divide os alunos em pequenos grupos e as tarefas são atribuídas durante o ano, eles acreditam que exigir que os alunos limpem o local onde estudam os ensina a trabalhar em equipe e ajudar uns aos outros. Quando é o aluno que limpa ele dá mais valor e acaba respeitando mais o espaço, dando valor ao seu trabalho e dos outros.

O almoço tem um menu padronizado

As escolas garantem que os alunos tenham refeições saudáveis e equilibradas, o almoço no sistema de educação japonês é servido de acordo com um menu padronizado desenvolvido por chefs qualificados e profissionais de saúde. Eles comem dentro da sala de aula, junto com o professor.

Cursos extracurriculares são comuns

No Japão os estudantes fazem cursos preparatórios e participam de diversas oficinas, geralmente os alunos retornam a escola no período da noite para fazer os cursos. O dia escolar no aluno é de 8 horas por dia, eles estudam nos feriados e fins de semana também, esse é um dos motivos que fazem os alunos não repetirem de ano.

Os japoneses aprendem caligrafia e poesia

Os alunos têm aulas de caligrafia, pois o Shodo é uma arte, assim como o Haiku que é uma forma de poesia que usa expressões simples para transmitir emoções profundas aos leitores. São aulas que ensinam as crianças a respeitar sua própria cultura.

Ataxa de frequência escolar é de cerca de 99,99%

Matar aula é algo que não acontece, os estudantes japoneses não faltam à escola, nem chegam atrasados. Eles também são bastante focados e cerca de 91% dos alunos no Japão relataram que nunca ignoraram o que o professor ensinava.

Comentários