Ratinho Júnior reafirma pré-candidatura e pretende apresentar projeto moderno de governo

Ratinho Júnior realiza visita a Ivaiporã e reafirma candidatura ao governo do Estado

Ratinho Júnior realiza visita a Ivaiporã e reafirma candidatura ao governo do Estado

O deputado estadual e pré-candidato ao Governo do Paraná, Ratinho Júnior, esteve em Ivaiporã, na semana passada, onde fez a entrega do edital de licitação para a construção do projeto Meu Campinho, na Vila Monte Castelo. Durante sua passagem pelo município, ele também comentou sobre o cenário político de 2018. Um dos primeiros políticos a confirmar sua condição de pré-candidato ao Governo do Estado, Ratinho Júnior disse que tem procurado construir um plano de Governo inovador e moderno, baseadp em experiências exitosas que ele viu em várias partes do mundo.

Ele comenta que o Paraná é um estado com uma economia forte, baseada no agronegócio e que tem um PIB maior que o Uruguai, Paraguai e Bolívia juntos. Além disso, o estado é o maior produtor de alimentos do mundo por metro quadrado e ele acredita que será o principal celeiro da humanidade dentro de poucos anos. “Daqui a 30 anos, seremos 9 bilhões de pessoas no mundo, no entanto, apenas 7 bilhões terão acesso à comida e, certamente, no futuro da humanidade a falta de comida será um grande problema mundial”, salienta.

Para ele, o Paraná precisa buscar a transformação dos grãos em proteína animal, ou seja, incentivar a produção de suínos, aves e bovinos e mais do que isso, transformar essa proteína em produtos industrializados. “Temos que fazer o porco virar salame, por exemplo, que isso agrega valor e gera riquezas para o Estado”, comenta.

Ele frisa ainda que o Governo tem que reinvestir os impostos em serviços melhores aos cidadãos e não atrapalhar o setor produtivo, o agronegócio e os empresários. “Com isso, faremos com que o Paraná dê um salto moderno e quero muito fazer com que o Paraná e o Vale do Ivaí, que é a minha terra, possa se desenvolver cada vez mais”, disse o pré-candidato, que é nascido em Jandaia do Sul.

Questionado sobre o fato do governador Beto Richa ainda não definir seu futuro político, Ratinho Júnior disse que seu projeto político foi pensando independente de outros partidos, mas que ele quer o máximo de apoio possível, principalmente de pessoas que querem o bem do Paraná. “Quero o apoio tanto de pessoas envolvidas na política, como de outras que querem um Paraná moderno”, finaliza. Ele comenta que irá aguardar até julho, quando acontecem as convenções, para na sequência definir coligações e possíveis apoios.

Comentários