A flecha da vida

Hoje vou fazer uma pequena reflexão sobre um famoso provérbio chinês que diz: “Há três coisas na vida que nunca voltam atrás: a flecha lançada, a palavra pronunciada e a oportunidade perdida”.

Esta é uma frase curta, mas muito profunda. Ela vem nos alertar sobre a importância das ATITUDES, do SILÊNCIO e das OPORTUNIDADES. A flecha lançada que este provérbio fala são as nossas atitudes. As nossas atitudes são como flechas. Nós lançamos em uma determinada direção, esperando atingir o alvo. Esta metáfora é perfeita. Realmente eu penso dessa forma. A nossa vida é como uma flecha para atingir um alvo. O alvo está lá, a uma distância determinada. Cada pedaço do alvo tem uma pontuação diferente. O que é esta pontuação? É a qualidade dos nossos atos. Quanto maior a qualidade dos nossos atos, mais próximo do centro do alvo foi o lançamento da nossa flecha. Quando tomamos atitudes “mais ou menos”, quase sempre nós acertamos o alvo, mas o acertamos em uma região que vai dar uma pontuação bem baixinha. O que se pode interpretar disso? Mediocridade. A maior parte das pessoas está nesta região do alvo, porque são medíocres. Ser medíocre é estar no meio, é fazer o que todo mundo faz, é ser a “Maria vai com as outras”.

Dá até pra comparar a flecha e o alvo com os atiradores de flecha profissionais. Somente os excelentes conseguem atingir o centro do alvo. É preciso muito treino, muita dedicação, muita ousadia, para se atingir o centro do alvo. Esta é a minha luta diária, o que eu mais quero é treinar para atingir o centro do alvo… Por último vêm as flechas que são lançadas fora do alvo. Estas são as nossas experiências fracassadas; os fracassos são como alavancas na nossa vida, eles sempre aparecem, querendo ou não, e são oportunidades para o nosso crescimento pessoal. Pense nos atiradores profissionais! Será que nunca na vida deles eles atiraram flechas fora do alvo? Pode ter certeza que atiraram. Eles desistiram por isso? Não mesmo! Continuaram treinando até conseguirem a perfeição…

Sobre a palavra pronunciada é a mensagem mais importante. As nossas palavras têm um enorme poder sobre a nossa vida. Eu, algumas vezes, costumo cultivar o silêncio. Cultivo porque sei do poder que as palavras têm, tanto para o bem, quanto para o mal. Nós devemos ter muito cuidado com as palavras ditas. Depois que elas são ditas não dá mais para voltar no tempo e rebobinar a fita para não pronunciá-las. Gosto até de associar as palavras com a 2ª Lei da Termodinâmica. Essa lei fala das irreversibilidades da natureza. Uma das coisas irreversíveis na natureza se chama palavra proferida.

Esse provérbio é riquíssimo. Há muito mais a ser falado sobre ele, mas vou deixar para você refletir. Vou deixar a dica. Anote esse provérbio em algum lugar de destaque, para reler de vez em quando, a repetição da leitura ajuda a fixar melhor a ideia na mente. Por Isaias Costa

Comentários