Estado garante quase R$ 1 milhão para recuperação de estrada que corta três municípios

Prefeito de Godoy Moreira José Gonçalves. Por: Aldinei Andreis

Prefeito de Godoy Moreira José Gonçalves

Fonte: Aldinei Andreis

As prefeituras de Jardim Alegre, Lunardelli e Godoy Moreira devem entregar, nos próximos dias, as cascalheiras que serão credenciadas para que o DER (Departamento de Estradas de Rodagem), ligado à Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística, possa adequar o projeto para as obras de adequação e cascalhamento da Estrada do Pintor, que faz a ligação entre os três municípios, passando pela localidade de Madalena, em Lunardelli, e Jardim Florestal, em Jardim Alegre.

Segundo o prefeito de Godoy Moreira, José Gonçalves, essa etapa é uma das mais complicadas, já que esse credenciamento também envolve proprietários, IAP, registro de imóveis e até mesmo financiamentos bancários, mas a expectativa é que até a primeira quinzena de novembro, todos esses problemas estejam solucionados.

De posse dessas informações, o DER poderá adequar o projeto e definir se o convênio será realizado de forma individual com cada município ou se haverá uma contratação única para adequar toda a extensão da estrada. Ele destacou que os recursos, no valor de R$ 900 mil para a execução da obra, já estão garantidos pelo Governo do Estado.

Ele lembrou que, antigamente, essa era a rota utilizada pelos moradores de Godoy Moreira para se deslocar para Ivaiporã e que acabou sendo substituída quando ocorreu a pavimentação da rodovia PR-650. “Não podemos negar que essa é uma excelente alternativa para nós, porque reduz muito a distância para Ivaiporã, que é a nossa referência, e acredito que até o começo do próximo ano, essas obras de adequação estejam sendo viabilizadas”, comentou.

O prefeito ressaltou ainda que após a adequação dessa estrada, será realizado um trabalho de buscar a estadualização do trecho, que é uma das principais propostas da Central dos Municípios do Paraná.

Comentários